Android Geek
O maior site de Android em Português

Telefones Android com velocidades muito superiores aos iPhones

As velocidades dos smartphones com o Qualcomm Snapdragon 845 usado na maioria dos Android high-end  em 2018 são significativamente mais rápidos do que as velocidades smartphones que o utilizador pode ter nos mais recentes iPhones da Apple equipados com um modem Intel.

As descobertas foram publicadas hoje pela própria Qualcomm depois da empresa analisar mais de um milhão de testes iniciados pelos utilizadores no popular aplicativo Speedtest da Ookla.

O chip Snapdragon 845 é o que alimenta dispositivos como o Samsung Galaxy S9, o LG G7 ThinQ, OnePlus 6 eo HTC U12 +, e é o modem Qualcomm X20 dentro dele que fornece as velocidades rápidas.
No pior cenário de rede da AT & T mostra que os telefones Android baseados no Snapdragon tinham velocidades 192% mais rápidas do que os iPhones com um modem Intel. No cenário de rede comum, os chips da Qualcomm foram 64% mais rápidos na AT & T e 68% mais rápidos na T-Mobile para downloads, enquanto os uploads foram 41% mais rápidos na AT & T e 23% mais rápidos na T-Mobile. A latência também foi menor (menor significa melhor aqui).

 

É claro que a Qualcomm está muito interessada em magoar a concorrência, especialmente considerando que perdeu uma grande parte dos seus negócios com a Apple depois daa Intel começar a distribuir os seus modems para o iPhone 7 e a parceria Apple-Intel expandiu com o iPhone 8 e iPhone X.

Não é apenas a Qualcomm, no entanto. A Samsung também lançou recentemente uma série de anúncios atacando os iPhones por oferecer menos recursos e funcionalidades para os utilizadores, e um dos maiores golpes foi a velocidade dos smartphones mais lentas dos modelos iPhone mais caros.

Novos anúncios da Samsung ridicularizam os acessórios do iPhone e o Genius Bar

Desta vez, a Qualcomm parece ter um argumento forte. Eles fornecem dados factuais com base num grande conjunto de testes de velocidade aleatórios de diferentes locais e é difícil argumentar a respeito da veracidade destes. Pelo que referimos acima, parece que a guerra se faz a dois, entre Intel e Qualcomm. Mas isto não podia estar mais longe da verdade, a chinesa Huawei tem uma fortíssima carta na manga para o final de 2018.

Huawei pode bater todos os recordes com o Kirin 980

Kirin 980 SoC deve incluir um CPU quad-core do Cortex A77 e quad-core Cortex A55. Os rumores são de que, pela primeira vez, a Huawei pode incluir seu próprio processador gráfico dentro deste menino. O desempenho da GPU do Kirin 980 é especulada ser 1,5 vezes melhor do que o Adreno 630 que vem com o Snapdragon 845.

Kirin 980 vê especificações reveladas e a velocidade máxima de clock pode ser de 2,8 GHz image

No início deste ano, a Huawei detentora da HiSilicon lançou o Balong 765 como o primeiro chip do mundo a oferecer suporte ao LTE Cat. 19 que suporta downloads máximos em 1.6Gbps. Há especulações de que o Kirin 980 pode apresentar este recurso.

Assim como o Kirin 970 chegou com uma unidade NPU dedicada, o Kirin 980 que está está a chegar como sucessor também será equipado com a unidade NPU 1M de segunda geração para melhorar o desempenho da IA. A Cambricon Technologies que trabalhou com a HiSilicon para construir a unidade NPU para o Kirin 970 vai fornecer a unidade NPU de segunda geração para o Kirin 980 que é esperada conseguir  5 triliões de cálculos por watt. Dependendo do processamento de AI necessário, ele estará disponível nas versões dual, quad e octa-core. Além disso, os smartphones equipados com o novo SoC também serão equipados com a tecnologia de aceleração gráfica GPU Turbo.

Mate 20 e o Mate 20 Pro estão previstos chegar como os primeiros smartphones com o Kirin 980 a bordo. No início deste ano, a lista AnTuTu do Mate 20 Pro com um Kirin 980 surgiu com uma extraordinária pontuação de benchmarking de 356.819.

 

Fonte

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais