Android Geek
O maior site de Android em Português

Samsung x Huawei em 2020: confronto de gigantes

Esse outro fabricante, é a Huawei, na verdade a Huawei ultrapassou a Samsung em abril devido a uma série de fatores, um dos quais foi a proibição de comércio dos EUA, curiosamente. No entanto, foi um sucesso de curta duração, como provavelmente sabem.

A Samsung continua a ser a maior fabricante de smartphones do mundo no final de 2020, mas a empresa nunca esteve  tão perto de perder o seu lugar para outro fabricante Android do que este ano.

Esse outro fabricante, é a Huawei, na verdade a Huawei ultrapassou a Samsung em abril devido a uma série de fatores, um dos quais foi a proibição de comércio dos EUA, curiosamente.

Samsung x Huawei em 2020: confronto de gigantes 1

No entanto, foi um sucesso de curta duração, como provavelmente sabem. A Huawei continua a ser uma das maiores marcas de smartphones do mundo, mas isso deve-se principalmente ao seu sucesso na China. Fora da China, a história é diferente.

Samsung x Huawei em 2020: o líder teve sorte

Na última meia década, a Huawei tornou-se uma das marcas de smartphones mais populares do mundo. Ofereceu um impressionante portfólio de produtos, desde telefones e tablets acessíveis a modelos FlagShip que foram capazes de roubar clientes à Samsung em vários mercados importantes.

A certa altura, a Huawei tornou-se uma ameaça real para a Samsung nos principais mercados ocidentais. Chegou mais perto de roubar a coroa da Samsung do que qualquer outro fabricante Android, mas a Huawei perdeu muito terreno por causa das sanções comerciais dos EUA e das várias restrições.

Para os clientes de smartphones, isso significa que os novos smartphones Huawei não oferecem de momento suporte para os serviços do Google, e isso pode ser um Deal Breaker para alguns.

A Huawei conseguiu bons números em 2020, mas principalmente graças ao seu país natal, a China. Nos EUA, a participação de mercado de smartphones da Huawei é insignificante, os equipamentos vendidos na Europa caíram vertiginosamente ao longo dos primeiros três trimestres do ano, conforme destacado neste gráfico da Statista.

Samsung x Huawei em 2020: confronto de gigantes 2

A queda da Huawei na Europa durante os primeiros três trimestres de 2020 tornou-se um sucesso para a Samsung. Na Rússia passou-se uma história semelhante a Samsung só recuperou o primeiro lugar no terceiro trimestre de 2020.

Relacionado:  A razão pela qual a Samsung baixou o preço do Samsung Galaxy S21

Equipamentos para todos os gostos

Dados de remessas e distribuição de participação de mercado à parte, abSamsung e Huawei apresentaram um portfólio de produtos móveis incrível em 2020. As séries Galaxy A e M de gama média da Samsung prosperaram e a empresa lançou três modelos Galaxy S20 modelos mais um Fan Edition Galaxy S20 FE, e dois Galaxy Note 20.

A Samsung continua a ser a maior fabricante de tablets Android e, este ano, lançou o Galaxy Tab S6 Lite,  Galaxy Tab S7 e o fantástico Galaxy Tab S7 +, assim como o Galaxy Tab A 8.4 e a Galaxy Tab Active 3. A Huawei lançou um bom número de de tablets próprios, mas nenhum deles tem uma estrutura tão robusta ou vem com um dispositivo de entrada semelhante à S Pen.

Quanto a smartwatches, tanto a Huawei quanto a Samsung registaram um crescimento ano a ano no terceiro trimestre de 2020, com a Samsung a conseguir 10% do mercado (de 8%) e a Huawei a ter a vantagem com 15% do mercado (de 10%), de acordo com a CounterPoint Research.

Samsung x Huawei em 2020: confronto de gigantes 4

Embora a influência da Huawei nos mercados ocidentais esteja a diminuir, a empresa parece ter saber qual é o seu caminho, o que deve contar para alguma coisa. A divisão de chipsets da Huawei continua a lançar novos chipsets Kirin. O Kirin 990 SoC que alimenta dispositivos como o Huawei P40 Pro parece fazer um trabalho melhor do que o Exynos 990 em benchmarks como o Geekbench.

2020 foi um ano relativamente melhor para a Samsung, mas, de muitas maneiras, a Samsung pode ter tido muita sorte.

A Samsung se beneficiou muito das perdas da Huawei em muitos segmentos, mas a empresa também foi capaz de inovar e adaptar-se às mudanças do mercado.

Mesmo assim, a Samsung quase que perdeu a liderança na corrida dos smartphones para a Huawei em 2020 e se não fosse pelas proibições e restrições, quem sabe como seria o resultado final?

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!