Android Geek
O maior site de Android em Português

Nokia 6 as primeiras impressões

Estou desde o meio da semana passada a testar 3 dispositivos Android, são eles o Nokia 5, o Nokia 6 e o novíssimo Nokia 8, que é até ao momento o topo de gama da marca, que renasceu das cinzas.
Desta vez, estou a ter uma experiência totalmente diferente, porque no meu dia a dia faço-me acompanhar por 3 dispositivos diferentes, que ao mesmo tempo em parecem ser muito iguais em muitas das tarefas que realizo.

No entanto, o que tenho para vos falar hoje, é somente sobre o Nokia 6. Este mesmo assunto já foi abordado para o Nokia 5, aqui, e o Nokia 8 fica para depois. O outro equipamento que falta neste conjunto, é o Nokia 3, mas esse já nós fizemos a nossa analise, que pode consultar aqui.

Logo na primeira abordagem, vemos que este Nokia 6 conta com um design diferente em relação ao Nokia 3, 5 e 8. Este é sem sombra de duvido o Nokia que menos gosto em termos de design. Possui um design unibody com painel traseiro de metal. Os cantos são gentilmente curvados, e vem com mudanças em relação em relação aos seus “irmãos”, que me agrada muito pouco, e logo a começar pelo o desconforto de telefone na mão, mas abordaremos isso na analise completa.

Nokia 6 as primeiras impressões image
Nokia 6

O principal destaque do Nokia 6 é o Android 7.1.1 Nougat completamente stock. Para muitos, um smartphone Nokia com Android é um sonho tornado realidade. O Android corre fluidamente e sem grandes engasgos. A empresa cumpre muito bem com a experiência do stock Android.

Durante o tempo que já passei com o dispositivo, a experiência em termos geria foi satisfatória, mas não noto grandes diferenças em termos de desempenho em relação aos Nokia 5. O dispositivo trata relativamente bem das tarefas básicas, como alternar entre aplicações e lançar várias aplicações simultaneamente.

O Nokia 6 possui um ecrã Full HD de 5,5 polegadas. Durante o uso que lhe dei, o ecrã pareceu-me bom em termos de legibilidade ao ar livre. O brilho automático é rápido o suficiente para se adaptar à luz ambiente.

O Nokia 6 não ganha à concorrência em termos de especificações. É alimentado por um processador Qualcomm Snapdragon 430 e 3GB de RAM. Se os 3GB de RAM parecem-me suficientes para a grande maioria dos utilizadores, já o Snapdragon 430 talvez seja curto para um telefone que se diz ser intermediário. Porque não optou a Nokia por um Snapdragon 630 ou mesmo um Snapdragon 660?

Ele possui uma bateria de 3.000mAh, ou seja a mesma que o Nokia 5, mas este com um ecrã maior e com uma resolução superior.

Nokia 6 as primeiras impressões image
Nokia 6

Se as especificações não são uma prioridade para si, então o Nokia 6 parece ser um smartphone decente para a faixa de orçamento que apresenta.

Mas gostaríamos de reservar o nosso veredicto final, para quando disponibilizarmos a nossa análise completa do equipamento, que deverá acontecer em breve. Fiquem atentos.

Fique atento à nossa página do Facebook e Twitter para obter as notícias em primeira mão.

Comentários estão fechados.