Android Geek
O maior site de Android em Português

Versão beta do Android P chegará em breve a vários dispositivos com Snapdragon 636

Mudam-se os tempos, e mudam-se também as formas como se trabalha. Já lá vai o tempo em que as versões developer preview do sistema operativo móvel da Google, era um exclusivo de equipamentos da Google, ou seja, os Pixel e os Nexus.

Recentemente vimos uma enorme quantidade de dispositivos ganhar acesso à versão de programador do Android P, entre eles os Xiaomi Mi Mix 2S, o ainda não lançado Oneplus 6, o Oppo R15, o Sony Xperia XZ2, o Essential Phone, e até mesmo o Nokia 7 Plus.

Versão beta do Android P chegará em breve a vários dispositivos com Snapdragon 636

É oficial que a Google e a Qualcomm têm trabalhado em conjunto para garantir que determinados dispositivos estejam prontos para o Android P quando o sistema operativo for lançado. É que concedendo às OEM o acesso antecipado ao software, a Google acredita que estará a tomar as medidas certas para resolver o problema da fragmentação.

Versão beta do Android P chegará em breve a vários dispositivos com Snapdragon 636 1

Além do Essential Phone que é alimentado pelo Snapdragon 835, os restantes equipamentos que tem acesso à developer preview do Android P são alimentados pelos Snapdragon 845 ou Snapdragon 660, os chipsets mais recentes da Qualcomm. Estes são dois dos chipsets que a Qualcomm diz que já otimizou para o Android P, com o outro a ser Snapdragon 636, que alimenta uma grande quantidade de telefones populares de gama média.

Dado que os dispositivos alimentados pelo Snapdragon 845 e Snapdragon 660 já obtiveram o acesso, faz sentido pensar que os equipamentos com Snapdragon 636 tambem tenham um acesso precoce ao Android P. E estamos a falar de nomes como Asus ZenFone 5 , Asus ZenFone Max Pro M1 e Xiaomi Redmi Note 5 Pro, entre muitos outros. Os dois últimos têm tido muito sucesso em países como a Índia, desde o seu lançamento há algum tempo, especialmente o Max Pro M1 graças à sua versão praticamente stock do sistema operativo Android.

Vale a pena referir que este é apenas um palpite sobre o que poderá acontecer brevemente, não podemos garantir que os dispositivos com Snapdragon 636 também terão o acesso à versão beta do Android P.

 

Ajuda-nos a chegar mais longe, partilha com os teus amigos

Obrigado pela visita!

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Ajuda-nos a chegar mais longe, partilha com os teus amigos

Obrigado pela visita!
close-link