Android Geek
O maior site de Android em Português

Série Huawei Mate 40 levou 3 anos para ser desenvolvida, revela o CEO Richard Yu

Segundo as declarações do executivo da empresa, este pode ser o smartphone mais complicado de fazer da série até agora. Richard Yu, CEO da Huawei’s Consumer Electronics Business disse  que levou três anos para fazer os telefones da série 40 Mate.

Foi há algumas semanas que a Huawei lançou os seus esperados smartphones da série Huawei Mate 40 no mercado, fazendo deles os primeiros dispositivos equipados com o SoC Kirin 9000.

Segundo as declarações do executivo da empresa, este pode ser o smartphone mais complicado de fazer da série até agora. Richard Yu, CEO da Huawei's Consumer Electronics Business disse  que levou três anos para fazer os telefones da série 40 Mate.

Série Huawei Mate 40 levou 3 anos para ser desenvolvida, revela o CEO Richard Yu 1

Ele acrescentou que a série Huawei Mate 40 tornou-se a linha de desenvolvimento mais demorada da empresa e uma das mais difíceis. Um dos destaques é ser a primeira vez que a empresa usou um chipset 5nm nos telefones - o HiSilicon Kirin 9000.

Série Huawei Mate 40 levou 3 anos para ser desenvolvida, revela o CEO Richard Yu 2

A principal razão para o longo período de desenvolvimento foi o chipset. A Huawei teve que desenvolver as suas próprias Propriedades Intelectuais (IP), uma vez que não podem usar as de fora, e isso leva muito tempo - do plano à produção.

Devido ao desenvolvimento do seu próprio chipset de última geração e à maior duração do tempo de Pesquisa e Desenvolvimento, o investimento total da empresa nesta série Mate 40 também está entre os maiores até agora.

Relacionado:  E se pudéssemos instalar o Android 12 da Play Store?

A linha Mate da Huawei é principalmente conhecida pelo desempenho das câmaras e a empresa assegurou que os utilizadores teriam o melhor nos modelos deste ano.

Somando-se ao custo e ao tempo de desenvolvimento está o departamento de software. Apesar de estar, de momento, impedida de usar os Google Mobile Services devido às restrições impostas pelos Estados Unidos, a empresa continua a aperfeiçoar  a sua interface de utilizador personalizada EMUI , que agora é baseada no Android Open Source Project (AOSP). Há relatos de que no próximo ano, a empresa fará a transição dos dispositivos para HarmonyOS.

 

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!