Android Geek
O maior site de Android em Português

O que a vitória de Biden significa para a Huawei?

A anterior administração, liderada por Donald Trump tem atacado empresas chinesas como Huawei e TikTok e, agora é importante perceber como a vitória de Biden afetará esses relacionamentos.

É oficial, Joe Biden é o Presidente eleito dos EUA. É provável que vejam algum circo por parte do outro candidato. Mas o facto é: Joe Biden é o novo presidente dos EUA.

A anterior administração, liderada por Donald Trump tem atacado empresas chinesas como Huawei e TikTok e, agora é importante perceber como a vitória de Biden afetará esses relacionamentos.

O que uma vitória Biden significa para a Huawei?

Empresas de tecnologia, como a Huawei e a TikTok de Bytedance, foram danos colaterais numa guerra comercial entre os Estados Unidos e a China. Depois de ser eleito presidente, Donald Trump começou a implementar a sua primeira abordagem para "administrar" a economia dos EUA que passava por abrir guerra aos concorrentes.

O que a vitória de Biden significa para a Huawei? 1

Sob Trump, os EUA deixaram o pacto climático de Paris, saíram do Conselho de Direitos Humanos da ONU e da UNESCO, desistiram do acordo nuclear com o Irão e, apesar da pandemia global em curso,  anunciaram planos de se retirar da Organização Mundial da Saúde em 2021. Ah, e proibiram a Huawei de usar produtos e serviços Made In ou com tecnologia dos EUA.

O governo de Trump atacou os gigantes chineses de tecnologia Huawei e a plataforma social TikTok. A principal “preocupação” sinalizada pelos EUA foram as questões de segurança. Por exemplo, o Conselheiro de Segurança Nacional de Trump acreditava que a Huawei e a ZTE eliminam os concorrentes com o apoio do governo chinês e que instalam redes móveis com backdoors para acederem a dados públicos e governamentais. Como John King, da CNN, disse várias vezes nos últimos dias, não é inédito que Trump tenha uma relação difícil com a verdade.

O impacto para o consumidor

O impacto sobre o consumidor foi real e foi sentido com força na Europa. A Huawei nunca foi muito popular nos Estados Unidos, mas tornou-se um fabricante dominante de smartphones na Europa.

O Google deixou de oferecer suporte oficial aos telefones Huawei. O resultado foi a Huawei lançar o seu próprio ecossistema, removendo por completo a dependência do Google. O resultado foi o Huawei P40 Pro, um smartphone a correr o EMUI 10 baseado em Android, mas sem acesso a aplicações baseadas em Google Mobile Service como Gmail, Google Play Store e YouTube. O facto de tudo isso ter mudado tão rapidamente diz-nos duas coisas.

Em primeiro lugar, a Huawei conseguiu produzir uma experiência de utilizador muito boa e o Mate 30, P40 Pro e Mate 40 Pro são telefones poderosos e impressionantes com ótimas câmaras.

Em segundo lugar, está a suposição de que as coisas aconteceram tão rapidamente que é muito possível que a Huawei já estivesse a preparar esse plano de qualquer maneira.

Relacionado:  29 Aplicações Gratuitas para preparar 2021

A Huawei oferecer uma alternativa real ao Google e ao iPhone seria ótimo para a indústria móvel mesmo que precise de mais algum tempo para ser aperfeiçoado.

Agora com a vitória de Joe Biden há um vislumbre de luz no fim do túnel para as relações entre a China e os Estados Unidos e isso significa que há um caminho para o Google voltar para a Huawei? 

O que a vitória de Biden significa para a Huawei? 2

Os EUA vão permitir que a Huawei e o Google trabalhem juntos novamente?

Joe Biden será o próximo presidente dos Estados Unidos e com isso vem a possibilidade de os americanos terem de novo um presidente capaz de tomar decisões lógicas. A postura dos EUA em relação à China pode não ser tão fácil de mudar de um dia para o outro. O próprio Biden deixou bem claro que não concorda com algumas políticas chinesas. Ao mesmo tempo, referiu-se à abordagem de Trump para com o comércio com a China como "prejudicial" e, de modo geral, tomará decisões mais baseadas na lógica que Trump.

Isso sugere que, a menos que os novos consultores de segurança consigam apresentar provas concretas, é improvável que as sanções que impedem o Google de dar suporte à Huawei com os Serviços do Google Mobile continuem.

Honestamente, não há como saber que tipo de postura Biden tomará, mas tudo o que pode ser dito é que há esperança e dificilmente Biden fará pior que Trump.

A Huawei vai querer trabalhar com o Google novamente?

Estive em vários eventos e falei com várias altas patentes como Walter Ji, onde a Huawei promoveu o Huawei AppGallery e os Huawei Mobile Services. Posso dizer que realmente parece que não há como voltar atrás. Embora a Huawei seja uma das maiores empresas de tecnologia do mundo com muito dinheiro, eles investiram muito (muito!) para conseguir colocar os Huawei Mobile Services no mercado e incorporar aplicações na Huawei App Gallery e encontrar soluções alternativas com serviços como Petal Search.

Como disse antes, o mercado precisa de uma alternativa confiável aos principais serviços da Apple e do Google e a Huawei abriu caminho neste espaço.

Acho extremamente improvável que, depois de todo esse trabalho e investimento, a Huawei volte a usar Google Play Services, mas essa é a minha opinião pessoal. A solução ideal seria o Google colocar as suas aplicações na AppGallery, isso resolveria parte da questão.

Preferem ver a Huawei continuar a desenvolver a alternativa ao Google e iOS ou preferem ver os incríveis telefones Huawei com tecnologia do Google?

 

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!