Android Geek
O maior site de Android em Português

A Huawei lançará dois Chipsets no final de 2019, um deles com modem integrado 5G

Em adição ao Kirin 985 que deverá ser lançado ao lado do novo Mate 30,  a Huawei irá provavelmente lançar um chipset de 5G integrado no final do ano.

Nos últimos anos, a Hisilicon, da Huawei, conseguiu fabricar Chipsets que rivalizam com os Snapdragons da Qualcomm e os Exynos da Samsung. No entanto, este ano, a empresa pretende liderar a indústria de fabrico de Chipsets, a lançar dois novos SoCs no mercado. Em adição ao Kirin 985 que deverá ser lançado ao lado do novo Mate 30,  a Huawei irá provavelmente lançar um chipset de 5G integrado no final do ano. Kirin 970A Nikkei Asian Review escreve que o Kirin 985 adoptará a tecnologia EUV de nova geração, ao tornar-se um dos processadores móveis mais avançados do sector. Seguido do seu lançamento, a empresa deverá lançar o seu novo chipset móvel com um modem 5G integrado por volta de outubro ou dezembro de 2019. Se for verdade, a Huawei provavelmente vencerá a Qualcomm ao lançar o primeiro chipset com 5G integrado do mundo, no mercado. O Chipset integrado 5G da Qualcomm será lançado apenas no primeiro semestre de 2020. O novo chipset móvel integrado 5G será provavelmente apresentado na edição especial 5G do Mate 30, que deverá ser lançado até ao final do ano.

A fonte acrescenta que a Huawei estabeleceu uma meta interna agressiva de vender 10 milhões de smartphones 5G até ao final do ano. A maioria destas vendas deverá ser impulsionada pelo o seu primeiro smartphone 5G, o Mate 20 X 5G que já está à venda na Europa e vai estar à venda em agosto na China. Vale acrescentar que a Huawei tinha certificado quatro smartphones 5G na China no início deste mês. Em comparação, outros fabricantes têm apenas uma marca de smartphone 5G comercial. Isto continua a mostrar o posicionamento agressivo da Huawei para com o mercado 5G.

Recentemente, um executivo da Huawei, He Gang salientou que a empresa decidiu colocar o preço do Mate 20 X 5G de uma forma mais agressiva na China, porque espera uma adopção mais rápida da tecnologia smartphone. A empresa quer que mais pessoas comecem com o 5G e o Mate 20 X é um poderoso smartphone para qualquer um iniciar a sua jornada no novo mundo do 5G. A Nikkei Asian Review também acrescenta que a Huawei está à procura de diminuir a sua dependência de empresas norte-americanas nos próximos anos. Ele cita uma das suas fontes e diz que a prioridade da empresa será descobrir planos de backup detalhados e imaginar um mundo sem fornecedores americanos. Assim, mesmo que a administração Trump decida flexibilizar as suas políticas em relação à Huawei, a empresa ainda busca reduzir sua dependência das empresas norte-americanas.

Fonte

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais