Google GMS só em equipamentos com pelo menos 2GB de RAM e 16GB de armazenamento

A empresa agora requer hardware com pelo menos 2GB de RAM e 16GB de armazenamento. Se pretender utilizar os GMS num dispositivo que corra o Android 13 ou posterior.

Como seria de esperar, a Google atualizou recentemente os requisitos mínimos para a adoção de GMS (Google Mobile Services) com o Android 13 em smartphones OEM.

A empresa agora requer hardware com pelo menos 2GB de RAM e 16GB de armazenamento. Se pretender utilizar os GMS num dispositivo que corra o Android 13 ou posterior. De acordo com o especialista da Android Enterprise Jason Bayto, os OEMs já não podem pré-carregar GMS em novos dispositivos com menos de 2GB de RAM.

Google GMS só em equipamentos com pelo menos 2GB de RAM e 16GB de armazenamento 1

Mas este não é o único pedido. Na verdade, a Google também quer que todos os novos dispositivos Android Go tenham pelo menos 16GB de armazenamento. A regra aplica-se também aos dispositivos já no mercado, que não satisfazem estes requisitos. Que de outra forma não irá receber a atualização do Android 13.

2GB RAM + 16GB de armazenamento – É o novo mínimo para GMS

Este é um passo necessário e em linha com a evolução do software. E não é a primeira vez que este tipo de regras acontecem. Já tinha acontecido depois do lançamento do Android 11 em 2020. Quando a empresa especificou que os dispositivos com menos de 512MB de RAM deixariam de ser elegíveis para o pré-carregamento de GMS. Foi nessa ocasião que a distinção foi feita entre dispositivos de nível de entrada e dispositivos mais altos, foi especificado que todos os smartphones com Android 11 ou mais tarde usariam o Android Go se estivessem equipados com 2 GB de RAM ou menos.

Vai gostar de saber:  Google admite que a função "AI Overview" tem problemas de "alucinação"

Google GMS só em equipamentos com pelo menos 2GB de RAM e 16GB de armazenamento 2

Voltando à situação atual, os OEMs ainda poderão integrar os GMS em dispositivos Android 12 com menos de 2GB de RAM. Portanto, ainda pode demorar algum tempo até que os smartphones com características inferiores finalmente saiam do mercado.

Por fim, recordamos que toda a atenção está agora no próximo evento de apresentação feito pela Google, agendado para o próximo dia 6 de outubro. Várias novidades estão em planos para além do Pixel 7 e do Pixel Watch. O que também pode incluir vários dispositivos domésticos inteligentes e um Chromecast completamente novo com o Google TV.

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!