Xiaomi já está a preparar três smartphones no Snapdragon 888 SoC

Lu Weibing, anunciou a preparação de um telefone Redmi baseado no Snapdragon 888. Aparentemente, esse dispositivo será o Redmi K40 Pro. E agora temos detalhes sobre um terceiro modelo.

A Xiaomi parece ter gostado do novo SoC Qualcomm Snapdragon 888. Durante o anúncio do SoC, o a personalidade mais alta da empresa Lei Jun confirmou o uso do Snapdragon 888 no Mi 11. Logo de seguida, o responsável pela marca Redmi, Lu Weibing, anunciou a preparação de um telefone Redmi baseado no Snapdragon 888. Aparentemente, esse dispositivo será o Redmi K40 Pro. E agora temos detalhes sobre um terceiro modelo.

De acordo com um conhecido e bem informado insider sob o nome Digital Chat Station,  a Black Shark prepara-se para lançar um modelo de nome de código “Emperor” baseado no Snapdragon 888. As suas características de maior destaque serão o design e o carregamento.

Snapdragon 888

A fonte desta informação também garante que o FlagShip Redmi com Snapdragon 888 será muito superior ao Redmi K30 Pro e K30 Pro Zoom, com Snapdragon 865. Estes, como sabemos, estrearam em 24 de março deste ano. Se o novo modelo sair “muito mais cedo”, podemos ter novidades já em janeiro, o mais tardar em fevereiro. É por isso que o insider não recomenda comprar smartphones FlagShip agora - simplesmente não faz sentido, é melhor esperar alguns meses até que novos produtos com Snapdragon 888 apareçam à venda.

Snapdragon 888 é o número da besta

O Snapdragon 888, irá tornar-se o coração dos smartphones Android topo de gama que chegarão ao longo de 2021.

qualcomm_tech_summit_2020_2.jpg

O Snapdragon 888 integra a terceira geração do modem Qualcomm 5G: vamos falar sobre a solução Snapdragon X60 5G, capaz de oferecer compatibilidade com tecnologias de transmissão mmWave e sub-6 adotadas pelas principais operadoras mundiais. Não só isso: este modem integra suporte para agregação de operador 5G, suporte para modos multi-SIM globais, autónomo e não autónomo, bem como partilha dinâmica de espectro.

Relacionado:  Xiaomi Mijia S500 é a máquina de barbear que precisam

Hexagon é o cérebro

O Chipset Hexagon integrado no Snapdragon 888 SoC, controla o mecanismo de inteligência artificial Qualcomm de sexta geração, e consegue atingir um poder de processamento de até 26 tera operações por segundo (TOPs). A segunda geração do Qualcomm Sensing Hub também está integrada, capaz de garantir baixo consumo para processar tarefas relacionadas com inteligência artificial.

qualcomm_tech_summit_2020_3.jpg

Também foi dado um passo à frente no desempenho da GPU Adreno integrada, o resultado do SoC topo de gama da geração anterior (Qualcomm Snapdragon 865) permitia a obtenção de fotogramas até 144 por segundo. O Snapdragon 888 aumenta o poder de processamento associado às imagens tiradas pelas câmaras integradas nos smartphones: graças ao Chipset Qualcomm Spectra ISP pode capturar imagens e vídeos de até um pico de 2,7 gigapixels por segundo, o que corresponde a aproximadamente 120 imagens com resolução de 12MP cada capturada por segundo.

Na conferência de abertura do Tech Summit Cristiano Amon, presidente, Qualcomm Incorporated, chamou a atenção para a importância do desenvolvimento tecnológico, especialmente com referência à conectividade 5G.

"Criar experiências premium requer um foco contínuo na inovação, bem como um compromisso de longo prazo, mesmo diante de situações de grande incerteza," Disse Amon.

"Para uma empresa, é preciso concentrar-se no amanhã para continuar a oferecer tecnologias que podem redefinir experiências premium."

O trabalho da Qualcomm, está focado em Chipsets que sejam capazes de oferecer aos diferentes tipos de dispositivos móveis disponíveis no mercado um ótimo equilíbrio entre desempenho, autonomia e flexibilidade em todas as condições de uso.

Fonte

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!