Android Geek
O maior site de Android em Português

Sony Xperia XA1: As primeiras impressões

Este Xperia XA1 vem substituir aquele que era um pouco o mal amado da Sony, que foi lançado no ano passado, e com especificações sem inspiração para o preço que tinha, o Xperia XA.

Recebemos nos últimos dias o Xperia XA1 da Sony, e como sempre dedicamos algum dos nosso tempo para o testar. Estou a usar o equipamento há 96 horas, como se de o meu telefone pessoal/profissional se tratasse, e agora quero dar-vos as minhas primeiras impressões.

Este Xperia XA1 vem substituir aquele que era um pouco o mal amado da Sony, que foi lançado no ano passado, e com especificações sem inspiração para o preço que tinha, o Xperia XA.
Desta vez, a lendária marca japonesa baseia-se nos pontos fortes do Xperia XA e melhorou as suas falhas. Como resultado, o novo Sony Xperia XA1, pelo menos no papel, é impressionante. Este aparelho compacto está equipado com um processador mais poderoso, mais memória RAM, mais armazenamento interno, melhor eficiência energética, e melhor desempenho geral se comparado com o seu antecessor.

Depois, fiquei impressionado quando descobri que a Sony equipou este smartphone, de gama média, com o sensor Exmor RS com 23MPx.

Sony Xperia XA1: Especificações

  • Ecrã 2.5D de 5 polegadas com resolução HD (1280 x 720) e proteção Gorilla Glass com 294ppi
  • Helio P20 com processador octa core de 64bits que opera no máximo a 2.3GHz
  • GPU Mali T880
  • 3GB de RAM
  • 32GB de armazenamento interno com slot para cartão microSD de 256GB
  • Câmara traseira com sensor Exmor RS de 23MPx, abertura f/2.0 com Hybrid AF, Steady shot, e flash LED
  • Câmara frontal de 8MPx com abertura f/2.0 com  AF, wide angle e SteadyShot
  • Bateria de 2300mAh com o carregamento Qnovo Adaptive
  • Android 7.0 Nougat
  • WiFi, 3G, LTE, Bluetooth 4.2, NFC, GPS, A GPS
  • USB do tipo C
  • Audio HiFi

O Sony Xperia XA1 vem numa caixa de papelão branca com algumas das suas especificações-chave gravadas na sua traseira.

A Sony é conhecida pela sua construção do "estilo japonês", e o Xperia XA1 é um testemunho vivo disso mesmo. O aparelho possui uma moldura de alumínio sólido com acabamento dos matérias atrás e na laterais com os cantos ligeiramente arredondados. O ecrã de 5 polegadas também possui uma camada de Gorilla Glass 2.5D (versão desconhecida) para maior proteção.

Olhando para o telefone, em segundos decifra-se que se trata de um Xperia, isso mostra bem que a Sony colocou todo o seu ADN neste equipamento.

Ergonomicamente, a Sony assegurou que este aparelho seria ótimo para quem o segura, e mais importante que isso, é muito facil de operar só com uma mão . É um pouco escorregadio, mas com aderência adequada.
A maioria das portas e botões estão em locais conhecidos. Por exemplo, a entrada do fone de ouvido está na parte superior, a porta USB do Tipo C e o altifalante em baixo, o botão liga / desliga, os botões de volume e o botão dedicado da câmara estão bem presentes no lado direito. Curiosamente, a Sony optou por renunciar à necessidade de uma ferramenta para retirar o cartão SIM, que fica no lado esquerdo. Eles usaram uma aba simples. Também não temos uma slot híbrida, no equipamento que estamos a testar tem uma slot para cartão SIM e uma dedicada para o micro SD. No entanto, não temos scanner de impressão digital no equipamento.

A nível de desempenho, e durante o tempo que já o usei, o Helio P20 tem se portado muito bem. Os 3GB de RAM parecem ser suficientes para a grande maioria das aplicações que tenho usado. Apesar de dias muito quentes, não tenho notado o equipamento muito quente, ou com quebra de desempenho.