OPPO revela o seu primeiro chipset de imagem NPU MariSilicon X

Chen Mingyong, o fundador e CEO da fabricante chinesa de smartphones, demonstrou o primeiro chipset auto-desenvolvido da empresa.

O arranque oficial do evento OPPO INNO Day 2021 teve lugar hoje cedo (14 de dezembro de 2021). Durante esta conferência, a empresa revelou uma série de novas tecnologias, incluindo o MariSilicon X, que é o primeiro chipset NPU da empresa que desenvolveu desde o início.

Chen Mingyong, o fundador e CEO da fabricante chinesa de smartphones, demonstrou o primeiro chipset auto-desenvolvido da empresa. De acordo com o comunicado oficial da empresa, o novo MariSilicon X NPU é um chipset baseado em imagem que foi desenhado e desenvolvido pela empresa. O chipset obteve este nome em homenagem à Fossa das Marianas, que é a parte mais profunda do mundo. De acordo com a “imaginação” e inovação da empresa, este nome em particular foi escolhido para representar a profundidade da “imaginação” da empresa.

OPPO revela o seu primeiro chipset de imagem NPU MariSilicon X 1

Na altura do anúncio, o Fundador afirmou ainda que os fabricantes tecnológicos devem investir em tecnologias fundamentais para estarem preparados para quaisquer desafios que possam enfrentar num futuro próximo. Por outras palavras, este chip representa um passo em frente na procura da empresa por uma maior autossuficiência. É fabricado com o processo de 6nm da TSMC e destina-se a melhorar o desempenho de imagem dos próximos smartphones da OPPO, de acordo com a empresa. De acordo com o comunicado adicional da empresa, o novo chipset estará disponível em equipamentos a partir do primeiro trimestre do próximo ano.

OPPO revela o seu primeiro chipset de imagem NPU MariSilicon X 2

O novo chipset vai fornecer computação em tempo real de inteligência artificial para melhorar a eficiência energética, ao mesmo tempo que fornece gama ultra alta dinâmica “líder da indústria” (UHDR). Este chipset também vai permitir capturas RAW em tempo real sem perdas, e vai otimizar o desempenho do sensor RGBW e fornecer uma gama dinâmica extrema através da utilização de uma gama dinâmica de 20bit.

OPPO revela o seu primeiro chipset de imagem NPU MariSilicon X 3

De notar que a OPPO também anunciou oficialmente que este novo chipset será apresentado nos telemóveis topo de gama da empresa Find X em 2022, marcando a primeira vez que a tecnologia será usada numa configuração de duplo chip.

MariSilicon X a arma secreta para uma imagem cimputacional sem precedentes

O MariSilicon X é construído num processo de 6nm e combina uma NPU avançada com uma ISP e uma Arquitectura de Memória Multilayer para proporcionar um desempenho excepcional com uma eficiência energética incomparável. Este MariSilicon X permite um processamento RAW sem falhas e Vídeo Noturno por IA em 4K com pré-visualização em direto. A série eleita para a estreia é a série OPPO Find X onde o MariSilicon X estreará no primeiro trimestre de 2022.

“Com mais de dez anos de experiência a ultrapassar fronteiras na tecnologia de imagem, a OPPO tem estado por trás de algumas das maiores inovações do setor no que respeita a módulos de câmara, lentes e algoritmos”, afirmou Jiang Bo, Diretor Principal da OPPO, durante o evento. “A nossa inovadora NPU de imagem constitui o maior salto que já demos até ao momento, oferecendo uma maior potência aos sistemas de imagem móveis e proporcionando experiências extraordinárias aos utilizadores.”

MariSilicon X traz velocidade e alta eficiência

O MariSilicon X NPU tem uma capacidade computacional inconquistável de 18 mil milhões de operações por segundo, o suficiente para os algoritmos de IA fazerem o seu trabalho.

OPPO revela o seu primeiro chipset de imagem NPU MariSilicon X 4

Proporciona um desempenho topo de gama sem esgotar a bateria, graças aos seus excelentes 11,6 TOPS por watt de potência.

Vai gostar de saber:  OnePlus lança o seu mais recente smartphone emblemático, o OnePlus 10 Pro

A NPU dispõe de um subsistema de memória Tera bps dedicado, anteriormente inatingível, que permite ao MariSilicon X tirar o máximo partido do poder de processamento da NPU sem ter de lidar com restrições de memória, reduzindo drasticamente o tempo de cópia de dados do armazenamento para as unidades de processamento.

A MariSilicon X também inclui DDR dedicado com uma largura de banda extra de até 8,5 GB/s. A sua arquitetura de memória multicamada minimiza fortemente os atrasos e reduz o consumo de energia causado por repetidos ciclos de leitura e escrita desnecessários.

No caso da tecnologia de redução de ruído AI da OPPO, o MariSilicon X pode atingir um desempenho até 20 vezes mais rápido do que o OPPO Find X3 Pro 5G. O MariSilicon X consegue um incrivel processamento em tempo real, captura vídeos nocturnos de IA com ajustes de brilho em cada fotograma.

Ultra HDR

O MariSilicon X, apresenta um ISP que pode capturar imagens com uma gama dinâmica de 20 bits, 120 dB, que é 4 vezes maior do que a dos seus predecessores. Estas fotografias têm uma relação de contraste de 1 milhão para 1 entre as áreas mais claras e mais escuras da imagem, resultando em imagens mais realistas.

RAW sem perdas em tempo real

Maricosilicon X revoluciona o processador de imagem ao permitir a fusão HDR em tempo real de 4K e 20 bits a nível de pixel. MariSilicon X pode alcançar uma relação sinal/ruído de 8dB para imagens, abrindo a porta para as melhores imagens de fotografia computacional.

Modo RGBW Pro de desempenho profissional

O MariSilicon X também utiliza uma técnica de supersamostragem RAW de 2 vezes e o desenho do processador Dual Image Processor para utilizar plenamente o sensor RGBW da OPPO, permitindo a separação e fusão dos sinais RGB e White. Isto melhora a relação sinal/ruído em 7,9 vezes e a resolução da textura em 1,7 vezes.

Vídeo Noturno por IA em 4K

Como UNP dedicada à fotografia computacional, MariSilicon X representa uma nova era no campo. Liberta o poder dos algoritmos de redução do ruído da IA para gerar vídeos mais vívidos e claros devido à sua melhoria exponencial no desempenho e eficiência da sinergia. Também melhora os detalhes de imagem e a riqueza de cores, fazendo com que cada fotograma individual pareça tão vibrante e definida como uma foto estática. Como resultado, a captura de vídeo nocturno HDR alimentado por IA em 4K é agora exequível em smartphones Android pela primeira vez.

No 1º trimestre de 2022, o MariSilicon X fará a sua estreia comercial na série OPPO Find X, proporcionando aos utilizadores a experiência de imagem mais avançada alguma vez vista num telefone.

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!