Android Geek
O maior site de Android em Português

Harmony OS para smartphones ainda vai demorar um pouco

De acordo com a fonte, começará com os telefones que vêm com o Kirin 9000 e terminará com os telefones que vêm com o Kirin 710. Bem, não é segredo que o mundo inteiro está à espera do novo sistema operativo da Huawei.

Há poucos dias, um utilizador na rede social chinesa Weibo divulgou o processo de adaptação do Harmony OS para smartphones. De acordo com a fonte, começará com os telefones que vêm com o Kirin 9000 e terminará com os telefones que vêm com o Kirin 710.

Bem, não é segredo que o mundo inteiro está à espera do novo sistema operativo da Huawei. Não dizemos que o mundo inteiro vai mudar para HarmonyOS , pelo menos não agora. Mas todos queremos um novo sistema poderoso que enfrente o iOS e Android.

Plano de adaptação do Harmony OS: exclui os modelos Kirin 970

Este é o cronograma do processo de adaptação do Harmony OS, que se refere principalmente à adaptação para smartphones.

O processo de adaptação depende do processador SoC.

Especificamente:

  • O primeiro lote é Kirin 9000;
  • O segundo lote é Kirin 990 5G;
  • O terceiro lote é Kirin 990 4G (parcial), Kirin 985 e Kirin 820 (parcial);
  • O quarto lote é Kirin 820 (parcial), Kirin 980 e Kirin 990 4G (parcial), quarto lote;
  • O último é Kirin 810, Kirin 710 (parcial).

Na verdade, é uma sequência bastante lógica.

O Kirin 9000 so está na série Mate 40 que é a linha FlagShip mais recente.

Não é surpreendente ver o primeiro lote de atualização do Harmony OS para os telefones com este Chipset.

Além do Kirin 9000, existem outros Chipsets da série Kirin 9 que devem receber esse sistema operativo. Eles incluem a série Kirin 990 (onde se inclui 5G / 4G), o Kirin 985 e o Kirin 980. Entre eles, o Kirin 985 é um Chipset Kirin de gama média alta lançado em 2020, e a série Kirin 990 é um FlagShip Chipset de 2019. O Kirin 980 é o Chipset principal de 2018. Todos eles usam o processo TSMC de 7 nm. Mas existem primeira e segunda gerações.

Quanto ao Kirin 970, não terá o Harmony OS

Analisando a série Kirin 8, há dois Chipsets no plano de adaptação. Entre eles, o Kirin 820 foi lançado em março deste ano, posicionado como um produto de gama média. O Kirin 810 foi lançado em 2019. Foi o primeiro com a arquitetura Da Vinci desenvolvida pela Huawei. Ambos também usam a tecnologia de processo de 7 nm da TSMC.

O último é o 7-series. O Kirin 710 veio em julho de 2018, usando o processo de 12 nm da TSMC. Este é o Chipset lançado há mais tempo e a tecnologia de processo mais baixa no plano de adaptação acima.

Relacionado:  Huawei Mate 40 Pro recebe atualização com otimizações de câmara e Galeria

Em geral, entre os Chipsets Kirin envolvidos na lista acima, a Huawei está a contemplar telefones de até 2018, no mínimo. Mas a tecnologia de processador mínima deve ser de 12 nm.

Lembramos que na linha de smartphones da Huawei (e Honor), nem todos os modelos utilizam Chipsets Kirin. Digamos que alguns produtos simples usam Chipsets MediaTek e Qualcomm. Neste momento, não sabemos se eles receberão o Harmony OS também ou não.

Embora essa informação mostre quais Chipsets receberão o Harmony OS primeiro, não há de momento informações sobre a cronologia. Portanto, há todos os motivos para pensar que o sistema operativo da Huawei não chegará aos smartphones no futuro mais próximo.

O Harmony OS vale a espera

O Harmony OS fez a sua primeira aparição na Huawei Developer Conference (HDC) 2019. Em 2020, o Harmony OS 2.0 de segunda geração foi lançado.

Na verdade, o Harmony OS fez um grande progresso de 1.0 para 2.0.

Por exemplo, na Conferência de programadores Huawei anterior, o Presidente da Huawei Consumer Business Software, Wang Chenglu, anunciou oficialmente a cadeia completa de ferramentas de plataforma do Harmony OS. Inclui a estrutura de aplicações Harmony OS, mais de 13.000 APIs, ferramentas de desenvolvimento HUAWEI DevEco, compilador e distribuição Ark.

Claro, Harmony 2.0 também é de código aberto. Assim, os programadores podem usar os códigos relevantes de canais oficiais.

Harmony OS

No nível de ecossistema o Harmony OS 2.0 alcançou a cooperação com Midea, Joyoung, Boss Electric e outros fabricantes. No futuro, essas marcas terão dispositivos equipados com Harmony 2.0 no mercado.

Wang Chenglu também afirmou que o Harmony OS já suporta o uso de produtos de terceiros, com um total de mais de 20 categorias de produtos e 12 milhões de terminais inteligentes de terceiros.

Quanto aos utilizadores comuns, se quiserem experimentar o Harmony OS em smartphones Huawei, o primeiro telefone atualizado será n próximo ano. Mas se quiserem comprar um Huawei com o Harmony OS de fábrica, terão que esperar muito mais.

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!