Apple pede à TSMC para fabricar 100 milhões de chips A15 Bionic

‎De acordo com novas informações vindas de ‎‎WccFTech, ‎a gigante de Cupertino espera uma procura elevada para a sua série de iPhones de 2021 e, assim, pediu aos fornecedores que elevem a produção em 20% em relação à geração anterior do iPhone 12.

‎A Apple aparentemente fez uma encomenda enorme de mais de 100 milhões de chips A15 Bionic com a TSMC. Com isso, a empresa poderá estar a trabalhar na eliminação de quaisquer problemas com fornecimento de componentes, para a sua próxima linha de smartphones, iPhone 13.‎

‎De acordo com novas informações vindas de ‎‎WccFTech, ‎a gigante de Cupertino espera uma procura elevada para a sua série de iPhones de 2021 e, assim, pediu aos fornecedores que elevem a produção em 20% em relação à geração anterior do iPhone 12. Os fornecedores incluem a maior fabricante de chips de contrato do mundo, a TSMC, que vai fornecer à fabricante de iPhones, 100 milhões de unidades do seu chipset personalizado, de acordo com as informações recentes.‎

Apple pede à TSMC para fabricar 100 milhões de chips A15 Bionic 1

‎Embora, as remessas de chipsets A15 Bionic não serão apenas para o próximo iPhone 13. A empresa também está  supostamente a manter um stock extra do chipset, para eventuais produtos futuros. Isso pode incluir o iPad Mini 6, que deverá ser lançado ainda este ano com um design totalmente novo. Informações anteriores também haviam confirmado que o A15 Bionic iria equipar também o próximo iPhone SE.‎

Relacionado:  Protótipo de telefone com ecrã dobrável TCL com Design Samsung Z Flip pode chegar com preço imbatível

‎Apesar de outros produtos também apresentarem o chip A15 Bionic, a maioria dos novos chips será reservada para o iPhone 13 que poderá ver uma procura elevada. Para quem não sabe, o A15 Bionic irá trazer uma configuração central semelhante ao A14, com quatro núcleos de eficiência energética e 2 núcleos de alta potência. Embora, este novo chip irá contar com um novo e avançado processo de 5nm da TSMC.‎

Apple pede à TSMC para fabricar 100 milhões de chips A15 Bionic 2

Para quem não sabe, o A14 Bionic foi construído em um processo de 5nm da TSMC, mas espera-se que o próximo nó ofereça certas melhorias ao longo da arquitetura de 5nm. Isso também implica que a gigante de Cupertino ainda não mudou para o processo de 4nm este ano. Olhando para o A14, ele apresentava dois núcleos de alto desempenho aliados com quatro núcleos eficientes, por isso podemos esperar que o novo A15 Bionic siga um layout semelhante.‎

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!