Android Geek
O maior site de Android em Português

Samsung e Apple registam queda de vendas de smartphones de cerca de 15%

Não só as cadeias de fabrico e produção sofreram abrandamentos e interrupções, mas os próprios consumidores apresentam alguma contenção na aquisição de novos produtos que não sejam de primeira necessidade. Os especialistas adivinham uma ligeira melhoria para o segundo semestre de 2020, mas as perdas são elevadas para os maiores fabricantes como Apple e Samsung.

A economia global e mais concretamente o mercado de smartphones tem sofrido acentuadamente os efeitos da pandemia de COVID-19. Não só as cadeias de fabrico e produção sofreram abrandamentos e interrupções, mas os próprios consumidores apresentam alguma contenção na aquisição de novos produtos que não sejam de primeira necessidade.

Os especialistas adivinham uma ligeira melhoria para o segundo semestre de 2020, mas as perdas são elevadas para os maiores fabricantes como Apple e Samsung.

Samsung pode ter um ano muito difícil

A Samsung é outra empresa que ajustou as previsões internas de remessas de smartphones para o ano. A série Galaxy S20 tem sofrido com a conjectura global e tornou-se uma das principais razões para que as previsões tenham que ser ajustadas.

Samsung e Apple registam queda de vendas de smartphones de cerca de 15% 1

A pandemia COVID-19 combinada com preços significativamente mais altos levou a uma procura significativamente menor do que o previsto. O Galaxy S20 Ultra é considerado ter um desempenho ligeiramente melhor do que o esperado, mas nem este nem os interessantes e mais baratos Galaxy S20 e S20 + estão a conseguir um desempenho nas prateleiras como desejado.

Se a situação não melhorar, a série Galaxy S20 pode tornar-se a linha Galaxy S menos vendida de sempre. Isso impactaria significativamente a receita, o lucro e a participação de mercado em escala global.

Para piorar a situação, a próxima geração da série Galaxy Note 20 aparentemente será muito parecida com a linha Galaxy S20. Se for verdade, a Samsung também pode ter dificuldade para vender esses Flagships.

 

 

 

 

Mais preocupante para a Samsung é o facto de que ela própria está a perder participação de mercado no mercado indiano. A empresa era a número um há apenas alguns anos, mas caiu para o terceiro lugar durante o primeiro trimestre.

Isso foi antes do COVID-19 ter impactado fortemente o mercado, o que significa que o segundo trimestre pode ser mesmo particularmente mau para a empresa.

Apple já corrigiu metas internas

A DigiTimes acredita que a Apple já ajustou as previsões para o iPhone 11, que é o dispositivo iPhone mais vendido em todo o mundo, para o segundo e terceiro trimestres. O recém-lançado iPhone SE deve ajudar a equilibrar as contas a curto prazo, mas a Apple irá sentir uma queda no volume de equipamentos vendidos.

 

A Apple deverá anunciar os seus resultados para o priomeiro trimestre hoje,quinta-feira, 30 de abril. Estes devem ser acompanhados por uma análise oficial de receita para o trimestre actual, que nos dará uma indicação mais clara de como a Apple está a lutar contra a queda global na procura por novos smartphones.

O último trimestre do ano deve ser mais positivo para a empresa liderada por Tim Cook, mas estará longe de ser fácil. A Apple está a enfrentar atrasos na produção do iPhone 12 e Informações recentes sugerem que a empresa cortou os seus pedidos para o segundo semestre de 2020 em 20%.

Recessão económica é inevitável

A última informação da DigiTimes indica que as remessas de smartphones vão diminuir 15% este ano, para 1,15 mil milhões de unidades. Isso é um pouco mais pessimista do que as previsões anteriores. As marcas de smartphones com forte presença nos Estados Unidos e na Europa, estão a sofrer com as rigorosas medidas de isolamento e deverão sentir o maior impacto este ano.

Aqueles que competem no segmento premium irão sentir uma pressão extra. Afinal, os clientes de forma geral devem perder rendimento, seja de forma directa ou indirecta, e os smartphones geralmente não estão na lista de prioridades.

 

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais