Android Geek
O maior site de Android em Português

Xiaomi, terá opção Android One com sensor de impressão digital no ecrã

No entanto esta segunda geração de equipamentos Xiaomi com experiência praticamente stock, já começam a debater-se no que toca a equipamentos de baixo custo. Novos smartphones Xiaomi com Android One Os detalhes dos próximos dispositivos Android One da empresa vêm de um relatório graças ao grupo Xda, onde é mencionado que a empresa encontra-se a preparar dois terminais de média gama na série MiA.

A chinesa Xiaomi pode vir a reformular a sua oferta de equipamentos de média gama, que atualmente já oferecem uma ótima experiência com o Android 8.1. No entanto esta segunda geração de smartphones da Xiaomi, que oferecem uma experiência praticamente stock. São o testemunho que o projeto Android One da Google, já não se destina apenas a equipamentos de baixo custo e com pouca performance.

Novos smartphones Xiaomi com Android One

Os detalhes dos próximos dispositivos Android One da empresa vêm de um relatório cortesia do grupo de programadores do grupo Xda, onde é mencionado que a empresa encontra-se a preparar dois novos terminais de média gama na série MiA. Estes equipamentos provavelmente serão comercializados como Xiaomi Mi A3 e Mi A3 Lite.

Mas de momento, o nome de código bamboo_sprout e cosmos_sprout, embora o Bamboo e o Cosmo são os nomes de código originais. Enquanto “ sprout ” trata-se um sufixo anexado a cada um dos dispositivos que venham fazer parte do projeto Android One, presentes na Xiaomi.

Xiaomi Android One
Xiaomi faz parte do projeto Android One

Embora a primeira e a segunda geração da série MiA tenham sido hits instantâneos, o Xiaomi MiA3 e o A3 lite poderiam atrair ainda mais os utilizadores, já que a equipa está a preparar um dispositivo, com um recurso destinado a smartphones premium.

Smartphones Xiaomi com impressão digital no ecrã

Acreditamos que ambos os smartphones estão atualmente a ser testados com a tecnologia fod , que é a maneira da Xiaomi referir-se a um scanner de impressão digital no ecrã.

Algo que neste momento devido ao seu crescimento e implementação em OEM’s de grande porte, provavelmente irá atrair a atenção dos consumidores, com um orçamento mais limitado.

Assim como a primeira geração do Mi A1 foi baseada no Mi 5X da China, a Mi A2 baseado no Mi 6X é muito provável que o Xiaomi MiA3 e A3 lite sejam baseados no sucessor do Mi 6X. E por falar nisso, um terceiro dispositivo com o nome de código “ pyxis ” foi mencionado no relatório Xda, onde igualmente foi testado. Curiosamente, não tem nenhum “ sprout ” em anexo no nome, sugerindo que poderá vir com uma versão chinesa do Mi A3 e do Mi A3 Lite.

Embora as especificações sejam inexistentes, é muito provável que os três smartphones se enquadrem na gama média, e que tenham sensores de impressão digital sub-display em vez de sensores ultrassônicos que exigem ecrã OLED flexíveis e obviamente mais caros.

Enquanto isso há indicações de um possível trio par de lentes, 3 câmaras frontais de 2 megapixeis. Mas assim que surgirem novos dados, iremos fazer uma atualização deste tema. Por isso estejam atentos e sigam tudo aqui no Androidgeek.

 

Fonte

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais