Redmi Note 11 4G Global pode trazer Snapdragon 680 e um novo design

Uma fonte anónima disse ao ThePixel que a variante global Redmi Note 11 4G será alimentada pelo chipset Snapdragon 680 da Qualcomm, em vez do SoC MediaTek Helio G88 que alimenta a versão chinesa.

A Redmi planeia lançar a sua variante Redmi Note 11 4G a nível global, depois do seu lançamento bem-sucedido na China, há algumas semanas. No entanto, um leaker revelou, que o telefone poderá não ser o mesmo que a versão chinesa.

Uma fonte anónima disse ao ThePixel que a variante global Redmi Note 11 4G será alimentada pelo chipset Snapdragon 680 da Qualcomm, em vez do SoC MediaTek Helio G88 que alimenta a versão chinesa. Pensa-se que a mudança seja motivada pela escassez de chips MediaTek nas instalações de fabrico da Xiaomi.

Redmi Note 11 4G Global pode trazer Snapdragon 680 e um novo design 1

No entanto, esta não é a única diferença entre as versões chinesa e global. A série Redmi Note 11 não seguirá o mesmo design, para o lançamento global dos seus smartphones, como já escrevemos anteriormente. Isto aplica-se também ao Note 11 4G. Espera-se que o corpo e as laterais do smartphone sejam projetados num estilo Redmi Note mais tradicional.

Além disso, o leaker deu a entender que o preço da variante global, deverá rondar os 199 dólares (176 euros), tornando este telefone extremamente acessível.

Espera-se que outras características do Redmi Note 11 4G sejam as mesmas da versão chinesa, que tem um ecrã LCD FHD+ de 6,5 polegadas com uma taxa de atualização de 90Hz, uma taxa de amostragem de toque de 180Hz e uma taxa de aspeto de 1.500:1 e uma taxa de atualização de 90Hz. O chipset MediaTek Helio G88 é utilizado na versão chinesa, que tem 4/6 GB LPDDR4x RAM e 128GB de armazenamento.

Vai gostar de saber:  Xiaomi acaba de lançar os Buds 3, com Cancelamento Activo de Ruído, Bluetooth 5.2, e até 32 horas de duração da bateria.

Redmi Note 11 4G Global pode trazer Snapdragon 680 e um novo design 2

O telefone tem uma configuração de câmara tripla na parte traseira, que inclui uma câmara principal de 50 megapixels, uma lente ultrawide de 8 megapixels com um campo de visão de 120 graus e uma câmara macro de 2 megapixels. Uma câmara frontal de 8 megapixels está disponível para selfies e chamadas de vídeo.

O sistema operativo MIUI 12.5, que se baseia no Android 11, encontra-se instalado no dispositivo. Dual SIM, 4G VoLTE, Wi-Fi 802.11ac, Bluetooth 5.1, GPS, sensor infravermelhos, colunas estéreo duplas e uma saída de áudio de 3,5 mm são todos suportados para conectividade. Tem uma bateria de 5.000mAh com carregamento rápido de 18W e capacidades de carregamento inverso de 9W.

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!