Redmi Gaming Phone terá 67w de velocidade de carregamento

De acordo com as últimas notícias trazidas pela Digital Chat Station, o telefone para jogos Redmi está equipado com o mesmo carregador MDY-12-EF FlagShip da Xiaomi que suporta carregamento rápido de até 67W.

O telefone para jogos Redmi tem sido mostrado oficialmente por várias publicações da própria marca, embora ainda não tenham dado informações específicas sobre a configuração desta nova máquina. De acordo com as últimas notícias trazidas pela Digital Chat Station, o telefone para jogos Redmi está equipado com o mesmo carregador MDY-12-EF FlagShip da Xiaomi que suporta carregamento rápido de até 67W. A tecnologia de carregamento rápido de 67W é a usada pelo Xiaomi 11 Pro e 11 Ultra. O telefone para jogos da Redmi vem com a tecnologia de carregamento e mais detalhes que só encontramos nos principais produtos da Xiaomi, que são sem dúvida poderosos em termos de hardware.

Redmi Gaming Phone terá 67w de velocidade de carregamento 1

Além do poder de carregamento, a notícia também diz que o telefone para jogos Redmi terá uma bateria interna de mais de 5000mAh, o que pode garantir uma autonomia de topo durante os jogos, e com o carregamento rápido de 67W, pode efetivamente garantir que os utilizadores possam jogar a qualquer hora e em qualquer lugar sem ansiedade sobre a vida da bateria. vale a pena salientar que o telefone para jogos Redmi também virá pré-instalado com o sistema operativo MIUI 12.5 e também incluirá uma tecla de ombro de jogo semelhante ao novo Black Shark, que pode ser operado com quatro dedos e foi otimizado  para trazer uma excelente experiência de jogo. O Redmi Gaming Phone será equipado com o novo produto FlagShip da MediaTek deste ano, o Dimensity 1200, vamos ver se a Redmi consegue apresentar um preço competitivo.

Relacionado:  BYD e Huawei trabalham juntas no Hongmeng OS, direção autónoma e outras tecnologias de carros inteligentes

Fonte

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!