Android Geek
O maior site de Android em Português

Huawei quer aplicações do Google na sua própria App Store

Resiliência e inovação são as armas que a empresa chinesa tem usado com mestria.  Dispositivos como o Huawei P40 Lite e P40 Pro são extraordinários, mas sem as aplicações e serviços do Google, deixam dúvidas nos utilizadores quando chega a altura de comprar o seu próximo smartphone.

A Huawei continua a enfrentar o veto imposto por Donald Trump, que a impede de trabalhar com empresas como o Google. Resiliência e inovação são as armas que a empresa chinesa tem usado com mestria. 

Huawei quer aplicações do Google na sua própria App Store 1

Dispositivos como o Huawei P40 Lite e P40 Pro são extraordinários, mas sem as aplicações e serviços do Google, deixam dúvidas nos utilizadores quando chega a altura de comprar o seu próximo smartphone. Ainda que seja possível instalar as aplicações Google nos novos Huawei, como já explicámos aqui. 

A Huawei tem estado a pensar num novo plano, e esse é que as aplicações do Google acabem por chegar à sua própria loja.

Huawei quer aplicações do Google na sua própria App Store 2

Aplicações do Google no AppGallery, esta é a nova estratégia da Huawei

Hoje, os melhores smartphones da empresa chinesa já não têm aplicações ou serviços do Google(de fábrica) , e isto é sem dúvida um revés para a empresa, pois são dispositivos excelentes, quer de outra forma arrasariam a concorrência.

Se a Huawei não conseguir em breve retomar a licença dos serviços do Google Play, uma alternativa possível é que estes equipamentos tragam os serviços Google disponíveis na AppGallery, a loja de aplicações da Huawei.

Eric Xu, gestor da Huawei, confirmou à CNBC a seguinte declaração:

"Esperamos que os serviços do Google possam ser disponibilizados na AppGallery da mesma maneira que os serviços do Google são disponibilizados na Apple App Store."

 

Nos últimos dias, vimos acordos semelhantes do Google com a Samsung, que começaram a traduzir-se em algumas das aplicações Google aparecerem na loja Galaxy Apps, a loja de aplicações móveis Samsung.

Esta parece ser uma maneira do Google impedir que o Android e o ecossistema de que faz parte a Samsung mas também a Huawei acabe desmoronando.

Se conseguirão ou não, ainda é uma incógnita. A Huawei já confirmou que havia possibilidades que aplicações como Facebook possam chegar à loja, este jogo de xadrez está para durar.

Tudo pode vir a resolver-se em breve , mas por enquanto, parece uma realidade muito distante, pelo menos enquanto Donald Trump continuar a sua guerra comercial contra a Huawei.

 

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais