Android Geek
O maior site de Android em Português

Google confirma que o Android N suporta nativamente o 3D Touch

A Google confirmou que o novo recurso do Android N chamado de “Shortcuts Launcher” vai funcionar em ecrãs sensíveis à pressão ( 3D Touch ), tal como a encontrado por exemplo no fantástico Huawei Mate S. Apesar de a capacidade de reconhecer a pressão no ecrã do smartphone ter aparecido pela primeira vez no Android 1.0 e já ser funcional desde o nível API 5, o Google finalmente encontrou uma forma útil de implementar essa tecnologia.

force-touch-generic.jpg

Então isso significa que vamos ver um Nexus 2016 com um display sensível à pressão? Talvez. Se a trademarking recente da Huawei, do nome Nexus 7P, estiver relacionada com o próximo dispositivo Nexus, então é bem provável que o próximo telefone da Google venha com a tecnologia 3D Touch.

Infelizmente ainda são poucos os dispositivos com essa tecnologia, consigo lembrar-me dos Huawei Mate S, Vernee Apollo e o ZTE Axon mini mas não vejo qualquer um desses dispositivos receber recentemente o update para o Android N.

Para quem não sabe do que estamos realmente a falar, aqui fica um pequeno vídeo demonstrativo feito pelo pessoal do Phandroid:

Apesar da tecnologia já existir, a mesma ainda não esta minimamente explorada e necessita de chegar nativamente ao sistema operativo para que os restantes fabricantes tornem essa funcionalidade como padrão. A mesma situação aconteceu com o sensor de impressão digital, que apesar de antes do lançamento do Android Marshmallow, já existirem aparelhos com essa tecnologia, com a incorporação da funcionalidade nativamente no SO da Google, tornou a incorporação de um sensor biométrico quase obrigatório aquando do fabrico de um novo smartphone.  Hoje quase todos os dispositivos intermediários ou high End possuem um leitor de impressão digital.
E prevê-se o mesmo para os aparelhos com 3D Touch, que apesar de hoje serem poucos a possuir essa funcionalidade, certamente com o lançamento oficial do Android N, grande parte dos fabricantes irão começar a disponibilizar hardware compatível com ela nos seus dispositivos.

Por isso, são boas noticias para o consumidor.

Ajuda-nos a chegar mais longe, partilha com os teus amigos

Obrigado pela visita!

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Ajuda-nos a chegar mais longe, partilha com os teus amigos

Obrigado pela visita!
close-link