Android Geek
O maior site de Android em Português

15 linhas de código podem travar qualquer iPhone ou iPad forçando-o a reiniciar

Um programador e investigador de segurança chamado Sabri Haddouche descobriu 15 linhas de código que irão travar e reiniciar qualquer iPhone da Apple ou iPad da Apple. O código tira proveito de uma falha no WebKit, que é o mecanismo do navegador usado pelo Safari.

Um programador e investigador de segurança chamado Sabri Haddouche descobriu 15 linhas de código que irão travar e reiniciar qualquer iPhone da Apple ou iPad da Apple.

O código tira proveito de uma falha no WebKit, que é o mecanismo do navegador usado pelo Safari. Haddouche diz que um grande número de elementos são repetidos dentro do filtro de fundo, o que faz com que todos os recursos do telefone sejam usados. Isso, por sua vez, causa um pânico no kernel, que força o sistema operativo a desligar ou enfrentar danos permanentes e perda de dados. "Qualquer coisa que renderize HTML no iOS é afetada", diz o pesquisador de segurança.

De acordo com outras empresas de segurança, o código conseguiu congelar unidades do iPhone com o último iOS 12 beta. Foi hoje a partir das 10:00 PDT / 13:00 EDT, que a Apple começou a promover o iOS 12 nos EUA. Isso significa que a empresa terá que divulgar uma atualização num futuro próximo para corrigir este exploit. Felizmente para os utilizadores do iOS, o código não pode ser usado para executar aplicações maliciosas ou roubar dados pessoais.

Mas não há como negar que isso é uma dor de cabeça se o utilizador receber um link para o código, ou for enviado por email em HTML.

O que pode um utilizador de iOS fazer?

Neste ponto, a única coisa que o utilizador pode fazer é ter atenção aos remetentes de e-mail e ignorar links. Haddouche informou a Apple sobre esta falha do WebKit na sexta-feira, esperamos que a empresa já tenha começado a corrigir.
Se quiserem ver como são as 15 linhas de código sem que seu dispositivo com iOS seja desativado, clique nest ligação.

 

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais