Android Geek
O maior site de Android em Português

Xiaomi Redmi Note 4 explode no bolso do utilizador

Após o fiasco do Note 7, a Samsung aprendeu com esse erro e criou bases solidas e fez avultados investimentos para impedir incêndios e explosões com as baterias dos seus equipamentos. E parece que está na hora de todos os fabricantes mundiais de smartphones, seguirem o exemplo da Samsung e implementar a proteção da bateria nos seus próximos equipamentos.

Recentemente, um utilizador do Redmi Note 4, da Xiaomi, informou que o seu dispositivo explodiu enquanto estava no bolso, causando-lhe queimaduras de segundo grau na coxa. De acordo com o relatado, o smartphone pegou fogo enquanto o utilizador "Bhavana Suryakiran" estava a pedalar na sua bicicleta. Felizmente para ele, quem assistiu de imediato deu todo o apoio para o resgatar daquela situação, e para despejar água sobre o mesmo. Os relatórios também dizem que o utilizador tinha comprado o seu Redmi Note 4 há apenas 20 dias, e por essa razão, vai levar o caso a tribunal.

Xiaomi Redmi Note 4 explode no bolso do utilizador 1

A Sakshi News TV disponibilizou várias imagens e um vídeo que mostra as marcas das queimaduras na coxa do utilizador, tal como o Redmi Note 4, queimado.

Felizmente estes casos são cada vez mais raros, no entanto as fabricantes deveriam tomar medidas para situações como estas fossem impossíveis de acontecer.
Abaixo podem ver o vídeo onde se vê claramente o equipamento em combustão:

É quase impossível protegermo-nos da possibilidade de termos um equipamento defeituoso, mas se seguirmos as recomendações dos fabricantes no que a carregadores diz respeito podemos minimizar as possibilidades de supresas "explosivas".

Gostaram? Podia ter sido melhor?
Partilhem com os vossos amigos e ajudem este projecto em Português.

Obrigado pela visita!

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Gostaram? Podia ter sido melhor?
Partilhem com os vossos amigos e ajudem este projecto em Português.

Obrigado pela visita!
close-link