Android Geek
O maior site de Android em Português

Smartphone da Honor com câmara de 64MP certificado

Já sabemos que a submarca Honor da Huawei está actualmente a trabalhar na sua principal linha de smartphones – a série Honor V30, que deverá ser lançada em breve.

Já sabemos que a submarca Honor da Huawei está actualmente a trabalhar na sua principal linha de smartphones - a série Honor V30, que deverá ser lançada em breve. Agora, foi revelado que a empresa está a trabalhar em outro smartphone de gama média.

O próximo smartphone Honor com o número de modelo LRA-AL00 foi certificado pela 3C, sugerindo que a sua data de lançamento não está muito longe. Além disto, a lista revela que o smartphone vai ter um sensor de câmara de 64 megapixels. O smartphone da Honor desta forma torna-se no primeiro a apresentar uma câmara de 64MP, e agora encontramos mais detalhes relacionados com a sua câmara.

 

Smartphone da Honor com câmara de 64MP certificado 1

Um novo relatório relacionado com este próximo smartphone, revela que o dispositivo será equipado com lentes 1G + 6P da Lianchuang Electronics, projectadas para dispositivos de última geração. Curiosamente, o fabricante das lentes da câmara de 64MP não revelou mais detalhes sobre o assunto, citando um acordo de confidencialidade. Embora seja seguro supormos que o sensor de câmara de 64MP será fornecido pela Samsung, uma vez que é a única empresa a ter um sensor de 64MP no mercado actualmente.

A lista também sugere que o dispositivo deverá chegar com suporte para tecnologia de carregamento rápido de 20W. De acordo com o documento, este próximo smartphone da Honor está a senr chamado de “Laura” para pesquisa e desenvolvimento interno.

O smartphone em questão parece ser o que relatamos anteriormente para ser lançado juntamente com o Honor V30, como sendo parte da série Honor Note. No entanto, existe a possibilidade de que ele não faça parte da série Honor Note e que possa ser um dispositivo totalmente novo.

Além do sensor da câmara de 64 megapixels e suporte para carregamento rápido de 20W, espera-se que o telefone venha equipado com o processador Kirin 810 de 7nm da Huawei. Resta saber se a empresa continua sem oferecer o Google Play Services fora da China, semelhante ao que fez com a série Mate 30.

Como o HarmonyOS da empresa ainda não está pronto para os smartphones, é mais provável que a marca continue com a mesma estratégia adoptada para a série Mate 30 no departamento de software. Assim, embora o smartphone seja equipado com o sistema operacional Android, ele não é certificado pela Google e, portanto, não tem acesso oficial aos serviços e aplicativos do Google.

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais