Samsung Galaxy M12 passa pela FCC com bateria de 6.000mAh

O principal objetivo da empresa era dar uma nova vida ao segmento de smartphones de média gama e a missão foi bem sucedida. Em 2018, a Samsung registou uma reação negativa aos seus smartphones abaixo da média, que estavam muito atrás das ofertas chinesas.

A Samsung fez uma mão cheia de smartphones notáveis ​​em 2019, a sua série Galaxy A e série M está recheada de boas opções. O principal objetivo da empresa era dar uma nova vida ao segmento de smartphones de média gama e a missão foi bem sucedida. Em 2018, a Samsung registou uma reação negativa aos seus smartphones abaixo da média, que estavam muito atrás das ofertas chinesas. A situação mudou muito a ponto da empresa recuperar a primeira posição no mercado indiano de smartphones (o segundo maior do mundo).

Para 2021, a empresa quer continuar a melhorar os seus smartphones com especificações atraentes e, com sorte, conectividade 5G. Embora a empresa venha a revelar mais telefones de gama média com 5G, temos certeza de que a grande maioria dos dispositivos ainda serão 4G.

Aparentemente, a empresa está a preparar um novo smartphone 4G chamado Galaxy M12. Este dispositivo iniciará a operação 2021 da Galaxy M-series.

Hoje o Samsung Galaxy M12 deu um importante passo antes do seu lançamento. Este equipamento passou pela certificação da FCC, que felizmente, mostra algumas das suas especificações principais. O Galaxy M12 apresenta o número de modelo SM-M127F e tem uma bateria de 6.000 mAh. Curiosamente, rumores anteriores sugeriam uma bateria de 7.000 mAh, mas de acordo com a lista da FCC, este não será o caso.

Galaxy M12

Especificações do Galaxy M12

O Galaxy M12 também conhecido como SM-M127F traz uma bateria com o número de modelo EB-BM207ABY. Este é exatamente o mesmo número de modelo de baterias usado em muitos telefones da série Galaxy M, como o Galaxy M21 e o Galaxy M31. Todos eles têm capacidade de bateria de 6.000mAh. Infelizmente, a bateria vai demorar muito para carregar. De acordo com a lista, o modelo de carregador EP-TA200 indica um suporte de carregamento "rápido" de 15W. É uma pena ver que a Samsung está a guardar as suas tecnologias de carregamento rápido para os seus smartphones mais caros. Hoje em dia, mesmo um smartphone modesto vem com carregamento rápido de 18W. O dispositivo provavelmente durará muito, mas também demorará muito para carregar com apenas 15 watts.

Relacionado:  Especificações do OnePlus Nord CE aparecem online mais uma vez

Na semana passada, o Galaxy M12 passou pelo GeekBench Benchmark. Este teste confirmou a presença de um chipset Exynos 850 em conjunto com 3 GB de RAM. O dispositivo corre o sistema operativo Android 11 com One UI 3.0 na parte superior. De acordo com os renders que foram revelados, o aparelho trará na parte traseira um módulo de câmara em formato quadrado que abriga quatro sensores. O painel frontal vem com um entalhe Infinity-V para o sensor selfie.

Os rumores dizem que este é um painel de 6,5 polegadas, provavelmente LCD. Afinal, Este equipamento apresenta um leitor de impressão digital montado na lateral. Outros recursos incluem entrada de fone de ouvido de 3,5 mm e uma porta USB Type-C.

 

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!