Processador do Galaxy Watch 4 é oficial! Exynos W920 de 5nm

Um dia antes do evento, a empresa deixa-nos conhecer o novo processador, o Exynos W920.

A Samsung celebra o Galaxy Unpacked amanhã, um evento que podemos acompanhar online, onde a marca vai apresentar os seus novos telefones e wearables, como o Galaxy Watch 4. Um dia antes do evento, a empresa deixa-nos conhecer o novo processador, o Exynos W920. Este novo Exynos W920 é um processador que a marca vai usar nos seus wearables e, portanto, espera-se que o vejamos amanhã no novo Galaxy Watch 4. É o sucessor do Exynos 9110, apresentado há três anos pela Samsung.

Este é o Exynos W920

Samsung Exynos W920

O Exynos W920 foi fabricado usando o processo 5nm da Samsung com tecnologia de litografia ultravioleta extrema. Este processador possui dois núcleos ARM Cortex-A55 e uma GPU Mali-G68. De acordo com a marca, este Chipset é 20% mais rápido que o mencionado Exynos 9110 em benchmarks de CPU e o desempenho gráfico é 10% mais rápido. Este processador suporta resolução até 960 x 540 pixels. Também possui um processador de ecrã Cortex M55 de baixo consumo, que se destina a tarefas como o ecrã sempre ligada, projetada para reduzir o consumo de energia. Além disso, vem com um modem 4G LTE, GNSS, Wi-Fi b / g / ne Bluetooth 5.0 integrado.

Relacionado:  Material You chega ao Google Agenda e destaca os seus widgets

Este novo Exynos W920 será o processador que veremos no Galaxy Watch 4 e Watch 4 Classic, dois relógios que marcam um novo passo nos wearables Samsung. É preciso lembrar que estes equipamentos são os primeiros com novo Wear OS desenvolvido pelo Google e Samsung, além de ter o One UI Watch como interface tem um processador que promete bom desempenho.

Amanhã saberemos tudo sobre estes novos dispositivos e veremos se este Chipset tem um bom desempenho.

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!