OPPO chegou ao primeiro lugar no mercado de smartphones da china

‎Com o declínio da Huawei, os fabricantes chineses têm lutado pela sua cota de mercado, deixada pela anterior maior fabricante de smartphones do mundo. De fato, a ‎‎Oppo‎‎ conseguiu tornar-se a maior marca de smartphones da China em janeiro de 2021, pela primeira vez desde a sua criação.‎

‎Com o declínio da Huawei, os fabricantes chineses têm lutado pela sua cota de mercado, deixada pela anterior maior fabricante de smartphones do mundo. De fato, a ‎‎Oppo‎‎ conseguiu tornar-se a maior marca de smartphones da China em janeiro de 2021, pela primeira vez desde a sua criação.‎

OPPO chegou ao primeiro lugar no mercado de smartphones da china 1

‎De acordo com a ‎Counterpoint Research,‎‎ a participação de mercado da OPPO na China ficou em 21% em janeiro de 2021. A empresa foi acompanhada de perto pela ‎‎Vivo,‎‎ com 20%. Enquanto as outras marcas de topo como Huawei, ‎‎Apple ‎e Xiaomi tiveram uma participação de mercado de 16% cada.‎

‎De acordo com o Market Pulse Service da Counterpoint Research, as vendas de smartphones OPPO cresceram 33% MoM (mês a mês) e 26% YoY (ano a ano) em janeiro de 2021. A fabricante também foi a maior marca de smartphones 5G do segmento sub-US$ 600 e a segunda maior no global.‎

‎A OPPO foi capaz disto devido ao declínio constante da Huawei. Tanto ‎‎a Huawei‎‎ quanto a ‎‎Honor têm vindo a perder continuamente a sua participação de mercado devido à escassez de componentes de smartphones 5G, por conta das sanções dos EUA.‎

‎O sucesso da OPPO vem das fortes vendas da série OPPO Reno5, que inclui ‎‎OPPO Reno5,‎‎ ‎‎OPPO Reno5 Pro ‎‎e ‎‎OPPO Reno5 Pro+‎‎. A série Reno de última geração foi colocada à venda, 10% mais barata, em comparação com seu antecessor.‎

Relacionado:  Lenovo Tech World 2021 apresenta novas soluções e tecnologias para lidar com as mudanças sem precedentes nos negócios, educação

OPPO chegou ao primeiro lugar no mercado de smartphones da china 2

‎Isso não é tudo, o ‎‎OPPO A72 5G‎‎ tem sido o smartphone 5G mais vendido no seu segmento de preços desde novembro de 2020. Quase um terço dos equipamentos 5G vendidos na China custam menos de US$ 300. Tanto as séries OPPO Reno como Reno A, ajudaram a empresa a ganhar percentagens de mercado das séries Nova e Enjoy da Huawei. ‎

‎Mais de 65% dos equipamentos o vendidos na China no quarto trimestre de 2020 foram smartphones 5G. Mas a Huawei e a Honor não conseguiram atender a esta procura, como resultado, os distribuidores no país agora voltaram-se para marcas como Oppo, Vivo e ‎‎Xiaomi.‎‎ As duas primeiras agora são quem vende mais offline, enquanto que a segunda está a ter um crescimento online.‎

‎Desde que a Huawei ‎‎vendeu a Honor, ‎a ‎sua participação de mercado ainda encolheu mais. A empresa agora está focada apenas na venda de telefones premium com margens mais altas.‎

‎A Huawei tinha mais de 10.000 lojas e experiência em todo o seu país de origem no seu auge. Mas este número vem diminuindo desde o quarto trimestre de 2020. Espera-se que os concorrentes beneficiem mais do declínio da empresa em 2021.‎

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!