Android Geek
O maior site de Android em Português

Operadora japonesa IIJ recomeçou a vender equipamentos Huawei após a guerra comercial

Para quem não sabe, a Internet Initiative Japan (IIJ) esteve entre as operadoras que atrasaram os smartphones Huawei P30 e P30 Lite, assim como o tablet MediaPad M5 Lite de 8 polegadas da empresa, devido aos receios decorrentes das restrições americanas no meio da guerra comercial.

A operadora de rede japonesa de baixo custo IIJ agora retomou a venda de novos dispositivos Huawei a partir desta semana, após o comentário do presidente dos EUA, Donald Trump, que sinalizou que facilitaria as restrições à exportação de componentes para a Huawei. Para quem não sabe, a Internet Initiative Japan (IIJ) esteve entre as operadoras que atrasaram os smartphones Huawei P30 e P30 Lite, assim como o tablet MediaPad M5 Lite de 8 polegadas da empresa, devido aos receios decorrentes das restrições americanas no meio da guerra comercial. logo huawei Comentando sobre este desenvolvimento, o porta-voz do IIJ salienta que o processo de tomada de decisões "abrangente" por trás da mudança para começar a vender dispositivos Huawei vem após as negociações com os fabricantes, bem como os comentários do Trump. Recentemente, Trump twittou que, a pedido das empresas de tecnologia americanas e do presidente chinês Xi Jinping, “concordei em permitir que a empresa chinesa Huawei comprasse produtos deles que não afectariam a nossa segurança nacional”.

Os smartphones Huawei, que a operadora retomou as vendas, foram inicialmente planeados terem sido colocados para venda em maio. No entanto, após a proibição da Huawei pelos Estados Unidos, o lançamento foi adiado, pois temia-se que a gigante chinesa perdesse o acesso a softwares e tecnologias essenciais, onde se incluem o sistema operativo Android da Google. Além disso, o porta-voz do IIJ confirmou que recebeu garantias da Huawei de que “as actualizações de software e segurança permaneceriam utilizáveis ​​como até agora”.

Além disso, a Huawei também actualizou o seu site a 25 de junho com uma garantia aos utilizadores de que o conflito com a administração do Trump não afectaria os seus produtos. A Internet Initiative Japan (IIJ) está a vender agora o P30 da gigante chinesa por 69.800 ienes (aproximadamente US $ 644) e o P30 Lite por 29.800 ienes (~ US $ 277). Por outro lado, o tablet Huawei MediaPad M5 Lite de 8 polegadas está a ser vendido por 24.800 ienes, cerca de US $ 230.

Agora ainda aguardamos ouvir qualquer desenvolvimento de outras operadoras de telecomunicações japonesas. Resta saber se outras operadoras, onde se incluem a NTT Docomo, a KDDI e a SoftBank Corp., seguem o exemplona venda de novos dispositivos Huawei.

 

Fonte

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais