Android Geek
O maior site de Android em Português

Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa

Os modelos com o sobrenome ‘Lite’ costumam ser os grandes, pois apesar de não terem as melhores características, estamos a falar de verdadeiros best sellers. À primeira vista, é difícil diferenciar este Huawei P30 Lite dos seus irmãos mais velhos. Mas obviamente as diferenças são muitas, venham conhecê-lo melhor.

Ser a marca a bater na fotografia é a obsessão da Huawei. Não só na faixa alta com as quatro câmaras do P30 Pro, mas também em smartphones mais acessíveis, como o novo Huawei P30 Lite. Os modelos com o sobrenome 'Lite' costumam ser grandes sucessos, pois apesar de não terem as melhores características quando comparados com os "Pros", estamos a falar de verdadeiros best sellers. À primeira vista, é difícil diferenciar este Huawei P30 Lite dos seus irmãos mais velhos. De facto, quando o temos em mãos, a sensação é muito semelhante e na parte de trás os seus três sensores lembram claramente o Huawei P20 Pro do ano passado.

Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa 1

O tempo passa e a Huawei conseguiu incluir  grande parte dos ingredientes do seu FlagShip anterior num smartphone de média gama. O que se perdeu no longo do caminho? Vamos descobrir nesta nossa Análise do Huawei P30 Lite, onde nos vamos concentrar-nos na sua câmara tripla com zoom ótico e grande angular. Vamos comprovar se o desempenho está à altura do nome que carrega e analisar em detalhe todos os pormenores que diferenciam esta aposta da Huawei das inúmeras e competitivas alternativas que já existem no mercado.

 

Folha de especifcações Huawei P30 Lite

Huawei P30 Lite
Dimensões e peso 152,9 x 72,7 x 7,4 mm

159 gramas

Screen 6,15 "IPS / LCD FullHD +

(2,312 x 1,080 pixels)

Processador Kirin 710
GPU Mali G51 MP4
Memória 4 GB
Armazenamento 128GB + microSD
Bateria 3,340 mAh + 18W carga rápida
câmaras traseiras câmara tripla 48MP (f / 1.8) + 8MP (f / 2.4, grande angular) + 2MP (sensor de profundidade, f / 1.8)
câmara frontal 24 MP, f / 2.0
Sistema operativo Android Pie 9 com EMUI 9.0.1
Outros Bluetooth 4.2, aptX HD, USB C, NFC, rádio FM, WiFi ac, leitor de impressão digital traseiro
Preço 379 euros

Um design excepcional comparável ao high-end

Uma das marcas da estética dos smartphones da Huawei durante estes últimos anos tem sido os gradientes de cor. O Huawei P30 Lite está disponível em dois tons, um preto mais clássico um "azul holográfico" e um brancoquase cerâmica. Estamos a usar uma unidade de cor branca e a verdade é que a aparência é sensacional. É um dos mais belos smartphones do mercado, competindo diretamente com as faixas mais altas.

Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa 2

O design do Huawei P30 Lite não tem acabamentos de alta qualidade, mas à primeira vista pode passar por um modelo de topo.

As margens do Huawei P30 Lite  são compostas por um vidro 3D, com margens e cantos arredondados.

Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa 3

Embora o material da capa traseira seja, como acontece com o Huawei P Smart 2019, de policarbonato. Isso faz com que, à primeira vista, o projeto seja impressionante, embora seja verdade que existe uma margem de melhoria na camada oleofóbica pois as variantes de cor ganham manchas de gordura dos dedos com muita facilidade, no entanto a unidade de cor branca que estamos a usar sai incólume, é a cor perfeita para quem não quer estar sempre a limpar o seu huawei P30 Lite..

Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa 4

Na mão, a sensação é ótima, com muito bons acabamentos e uma sensação de qualidade, parece resistente e as suas dimensões ajudam a que seja de fácil utilização, mesmo com apenas uma mão. O tamanho é compacto e a ergonomia é bem conseguida. A Huawei mantém o seu compromisso com o entalhe na forma de uma gota de água e complementa com margens pequenas. Na área do entalhe, além da câmara frontal encontramos a coluna para chamadas e um pequeno LED de notificação.

Ao fazer uma comparação direta, o P30 Lite é um pouco mais fino que o Huawei P30. Embora as margens sejam um pouco mais grossas, tendo assim um tamanho ligeiramente maior. Embora a diferença seja quase imperceptível. Também é um pouco mais leve, o que permite que ao usá-lo com uma mão seja mais confortável.

Quando comparado com outros telefones de gama média, vemos que o Huawei P30 Lite está posicionado como um dos mais leves e compactos entre todos que oferecem um ecrã de mais de 6 polegadas.

Ecrã Altura (mm) Largura (mm) Espessura (mm) Peso (g) Ratio Bateria (mAh)
Huawei P30 Lite 6,15 " 152,9 72,7 7,4 159 84,2% 3,340
Redmi Note
7
6,3 " 159,2 75,2 8,1 186 81,4% 4,000
Honor
10 Lite
6,21 " 154,8 73,64 7,95 162 83,1% 3.400
Huawei P Smart 2019 6,21 " 155,2 73,4 8 160 83,1% 3.400
Samsung Galaxy A50 6,4 " 158,5 74,7 7,7 166 84,9% 4,000

 

Para quem está à procura um smartphone relativamente compacto, com boa bateria e um bom tamanho de ecrã , o Huawei P30 Lite é uma das melhores opções.

 

Podemos dizer que o design do Huawei P30 Lite é semelhante ao do P30 topo de gama?

A resposta é não. É nos detalhes que se percebe a diferença entre um  "Pro" e um "Lite".

Começando pela traseira, vemos algumas diferenças significativas. O visual do P30 Lite é sensacional, mas por exemplo não é tão limpo como o do P30 Pro porque temos o leitor de impressões digitais traseiro.

O layout da câmara traseira tripla em si é muito semelhante. Está no canto superior esquerdo na posição vertical, com o flashLED e o logotipo serigrafado "Triple Camera" por baixo. Aqui, como em outros terminais, esta câmara tripla fica sobresaída 2 milímetros e faz com que o terminal balance se o colocarmos na mesa com o ecrã voltado para cima.

No que aos botões diz respeito, também notamos diferenças. Não temos botões de alumínio com um toque áspero e o toque não é tão confortável como o das variantes mais caras. O lado esquerdo está completamente limpo, já que o Slot híbrido para o nanoSIM e microSD está localizado na margem superior. Para abrir esta gaveta, precisamos do acessório clássico. Um pequeno buraco à esquerda que não deve ser confundido com o outro buraco, dedicado ao microfone. Atenção a isto, colocar um acessório tipo alfinete no microfone pode causar danos ao dispositivo que certamente não estarão cobertos pela garantia.

Na parte inferior, encontramos o Jack de 3,5 mm, um porta USB tipo C, colunas e microfone com cancelamento de ruído. Embora esses elementos não estejam alinhados entre si e quebrem ligeiramente a simetria.

Ecrã IPS 6,15 "de alto brilho e boa nitidez

IPS / LCD ou AMOLED. A verdade é que as opções para ecrãs de smartphones geralmente são limitadas entre essas duas tecnologias. Em favor do primeiro há um melhor brilho e um custo menor, enquanto os painéis OLED oferecem um melhor contraste. A Huawei aposta no segundo, como vimos, por exemplo, no Huawei P30. Mas no Huawei P30 Lite mantem a tecnologia IPS, com um ecrã FullHD + de 6,15 polegadas e Certificação 'TÜV Rheinland' para ser mais confortável para os olhos.

A experiência com o ecrã do Huawei P30 Lite é boa, embora para melhores resultados tenhamos feito uma série de ajustes. O ecrã vem com a tonalidade de cor quente da fábrica. É um efeito bastante perceptível,  a Huawei permite adaptá-lo através das diferentes opções do software, para que fique ao gosto do utilizador.

Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa 5

 

Se formos às  configurações do ecrã, vamos encontrar a opção 'Temperatura e modo de cor'. A partir daqui podemos alternar entre dois modos; 'normal' e 'vívido'. Além disso, também podemos alterar a temperatura da cor entre normal, quente, frio ou selecionar o tom específico desejado.

Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa 6

A configuração normal predeterminada pareceu-nos muito quente. Fizemos portanto um ajuste nesta opção.

O nosso modo favorito tem sido o modo vívido, onde conseguimos ter um ecrã com alto brilho, contraste relativamente bom e cores mais precisas do que no modo padrão.

 

Ao nível de resolução, a nitidez é boa. Temos uma resolução FullHD +, que com o seu entalhe em forma de uma gota de água faz com que o ecrã tenha um formato aproximado de 19.3: 9, com 2,312 x 1080 pixels para uma densidade de 415 pixels por polegada.

O software da Huawei permite dezenas de opções e entre elas está a de esconder o entalhe do ecrã com uma faixa preta. Podem portanto esconder o entalhe embora a verdade seja que o entalhe é tão pequeno  que não consideramos que interfira excessivamente durante a experiência de utilização.

A Huawei apresenta no Huawei P30 Lite um ecrã relativamente grande para o tamanho compacto do terminal. A relação ecrã é de 84,2%, claramente acima dos 81,4% oferecidos pelo Redmi Note 7.

A sensibilidade táctil é boa e não há gradientes de cor quando olhamos para ele de diversos ângulos. Ao ar livre, o ecrã produz alguns reflexos, embora isto seja compensado com um bom nível de brilho. Também é importante notar que o brilho automático comporta-se perfeitamente.

Não temos Always On Display e o contraste não é dos melhores, mas o ecrã do Huawei P30 Lite responde bem. Nesta secção, a Huawei prefere ser um pouco conservadora e apostar no seguro. Ficámos satisfeitos, mas não surpreendidos.

Kirin 710 é um bom processador mas por vezes não acompanha o nosso ritmo

A versão inicialmente anunciada na China do Huawei P30 Lite tinha 6GB de RAM, mas o modelo que chega a Portugal e que pudemos testar apresenta 4 GB de RAM. Com estes 4GB de RAM, somos acompanhados pelo processador Kirin 710. O Kirn 710 é o processador que a Huawei adiciona a virtualmente todos os seus novos telefones de gama média em 2019. Vimos isso no Huawei Mate 20 Lite, no Huawei P Smart 2019 e agora neste P30 Lite.

Ao nível de desempenho, o Kirin 710 é aproximadamente equivalente a um Snapdragon 660. É um processador fabricado em 12 nanômetros, com capacidade para aplicar inteligência artificial e oito núcleos, dos quais temos quatro Cortex A73 e quatro Cortex A53.

____________________________________________________

Mas a grande questão é como se comporta o P30 Lite no dia-a-dia? O desempenho é bom, embora continuemos a identificar uma grande diferença de fluidez comparativamente aos restantes membros da família P30. Neste sentido, o Huawei P30 Lite está abaixo dos seus concorrentes diretos, pois o Kirin 710 é um pouco limitado para oferecer uma experiência totalmente satisfatória com o EMUI.

O Huawei P30 Lite está pronto para executar todos os tipos de tarefas graças ao seu processador Kirin 710, mas falta aqui um pouco de fluidez extra para uma experiência completa.

 

Experienciámos lag ocasionalmente, por exemplo, ao aceder a multitarefas ou ao jogar um jogo pesado como 'PUBG' ou 'Asphalt 9'. Ao experimentar esses jogos, o smartphone comporta-se bem, mas notamos uns soluços.Se o que estão à procura é um smartphone para jogar, a nossa recomendação é que o Huawei P30 Lite pode não ser o mais adequado. O Huawei P30 Lite tem a capacidade de executar a maioria dos jogos Android do momento e também incorpora a tecnologia GPU Turbo 2.0 para jogos como 'PUBG' ou 'Vainglory', mas para jogar em geral falta algo.

Ttivemos boa experiência com a temperatura. Neste sentido, mesmo depois de jogar por um longo tempo, não notamos aumentos significativos de temperatura e quando fechamos o jogo regressou aos valores normais rapidamente.

Aqui deixamos vocês a tabela de benchmarks do Huawei P30 Lite, para todos aqueles que querem comparar os resultados e valorizam essas pontuações.

HUAWEI P30 LITE REDMI 7 NOTE HUAWEI P SMART 2019 MOTOROLA MOTO G7 PLUS SAMSUNG GALAXY A50 IPHONE 7 PLUS
Processador Kirin 710 Snapdragon 660 Kirin 710 Snapdragon 636 Exynos 9610 Apple A10
RAM 4 GB 4 GB 3 GB 4 GB 4 GB 3 GB
AnTuTu 131,268 147,046 130,026 116,035 147,589 172,644
GEEKBENCH 4.0 (SINGLE / MULTI) 1.550 / 5.499 1,627 / 5,823 1.531 / 5.149 1,317 / 4,723 1.719 / 5.630 3.457 / 5.608
PCMARK WORK 5,872 6,333 5,853 6,230 5,556 -

 

Na conectividade, não tivemos problemas. Nem com WiFi, nem com dados ou com Bluetooth. Apesar de não incorporar Bluetooth 5.0, a conexão com os fones de ouvido foi sempre rápida e o aumento de gasto de energia não foi preocupante. A presença do NFC é um ponto muito positivo, uma característica que os telemóveis de gama média nem sempre têm e que será cada vez mais importante à medida que os pagamentos móveis se instalam (MBWAY por exemplo).

O EMUI 9.0 está muito completo

EMUI 9.0.1 é um velho conhecido. O Huawei P30 Lite incorpora a camada de personalização da Huawei em conjunto com Android 9 Pie e o patch de segurança de março. O software mantém os mesmos recursos que temos visto em outros terminais da marca, com um grande número de aplicações pré-instaladas, um Launcher sem gaveta de aplicações e uma estética muito colorida.

Ao iniciar o terminal, a marca  dá a possibilidade de adicionar uma conta ou fazer login com a conta da Huawei. Com ele podemos aceder a vários dos serviços que oferecem.

Entre as aplicações pré-instaladas, encontramos uma infinidade de ferramentas, um music player, uma aplicação de galeria, explorador de arquivos, bloco de notas, HiCare e algumas aplicações de terceiros, como Facebook, Amazon ou Booking. Dos 128GB teóricos que temos, temos 108.46GB dos quais em 99.01GB podemos instalar aplicações livremente.

A aparência das configurações, multitarefa e a barra de notificação é diferente da versão pura do Android. Talvez não seja o mais impressionante, embora com o passar do tempo tenha evoluído o suficiente para ser funcional o suficiente.

A EMUI é um fator importante. Muitos utilizadores apreciarão o grande número de opções interessantes que traz, enquanto outros preferirão optar por um software mais limpo.

Ter uma lista tão longa de opções é interessante, especialmente para aqueles utilizadores que não estão habituados a instalar aplicações adicionais. A Huawei incorpora ferramentas como um gestor de energia para ver quais as aplicações que consomem mais, monitorizar o nosso uso, controlo por gestos, entre muitas outras. É engraçado, mas mesmo depois de passar anos a testar telefones Huawei ainda não há análise onde não descubra uma nova opção EMUI.

Galeria de aplicações é a loja de aplicações da Huawei, com uma lista bastante generosa de aplicações e um design ordenado e intuitivo. Ainda faltam anos para o App Gallery ser uma alternativa sólida ao Google Play Store, mas estou cada vez mais convencido da força do ecossistema da Huawei.

Outra adição no Huawei P30 Lite é o modo de festa, uma aplicação com a qual podemos sincronizar a reprodução de música entre vários telefones.

Sistemas de biometria e desbloqueio

Para desbloquear o Huawei P30 Lite, temos várias opções. Por um lado  temos o leitor de impressões digitais , localizado na traseira e com uma experiência quase perfeita. Lê a impressão com facilidade, o utilizador não precisa colocar toda a superfície do dedo e o tempo de desbloqueio é muito rápido. Uma opção que funciona tão bem que nos leva a questionar as vantagens dos outros métodos. A Huawei também incluiu a possibilidade de atender chamadas, mostrar notificações ou tirar fotos com o sensor de impressão digital.

 

O segundo método de desbloqueio é para aqueles que preferem tereste recurso na frente. A Huawei incorpora um reconhecimento facial com um bom nível de precisão e rápido o suficiente.

O leitor de impressões digitais físico é rápido e confiável, O reconhecimento facial do Huawei P30 Lite também oferece bons resultados.

O registo facial é rápido e a detecção do nosso rosto ocorre sem dificuldade, mesmo quando usamos chapéu, óculos ou mesmo em situações de pouca luz. Não é assim no escuro, onde não funciona.

A Huawei permite escolher se queremos que o desbloqueio facial seja automático ir diretamente para a aplicação aberta ou apenas desbloquear a proteção mas ficar no ecrã inicial. Para ambos os métodos, precisaremos que o ecrã esteja ativo, embora possa ser configurado para que ela seja ativado quando o smartphone for levantado e, portanto, para fins práticos, será como desbloquear o smartphone diretamente.

A câmara tripla marca presença com toda a sua versatilidade

A câmara Huawei P30 Pro deu muito QUE falar. É por isso que a Huawei quer repetir o sucesso com uma versão equivalente, embora reduza logicamente as especificações. O Huawei P30 Lite chega com uma câmara traseira tripla, com sensor principal de 48 megapixels e lente de abertura f / 1.8, acompanhado por um sensor secundário de 8 megapixels para uma grande angular de 120º e um terceiro sensor de 2 megapixels ef / 1.8 para modo retrato e o zoom óptico de 2x.

Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa 7

Adicionalmente, como de costume na Huawei, está a apostar numa camada extra de inteligência artificial para Detecção de até 22 cenas, um modo noturno dedicado e zoom híbrido de 6x.

Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa 8

Pela sua vez, a câmara frontal tem 24 megapixels com uma lente de abertura f / 2.0, modo retrato por AI e detecção de oito categorias diferentes.

Aplicação da câmara

A aplicação da câmara Huawei também não foi alterada no P30 Lite. Temos a versão habitual, com uma interface bastante simples e intuitiva, apesar de ter um grande número de opções. no ecrã principal, temos o botão do obturador e botões dedicados para mudar para a câmara frontal, ir para a galeria Huawei, ativar o flash,  imagens em movimento, HiVision e o botão dedicado à inteligência artificial.

 

Deslizando de um lado e outro, podemos aceder ao restante das opções. Entre elas temos a Lente AR, modo noturno, modo retrato, fotografia normal, vídeo e uma guia para mais opções. Nesta última, é onde encontraremos o modo manual, o modo de abertura ou o HDR.

É engraçado, mas a Huawei decide apostar em inteligência artificial em vez de HDR. No entanto, o modo retrato só funciona com as pessoas, por isso nem sempre será útil.

Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa 9

Tanto o zoom quanto o ângulo amplo são feitos através de uma barra deslizante.

Para ativar as câmaras secundárias e tirar fotos com zoom ou grande angular, temos um pequeno botão flutuante no modo de foto que ativa uma barra deslizante onde podemos ir a 0.6x para o ângulo de 120º, o zoom óptico de 2x ou expandir ainda mais e ir para o zoom de 6.0x.

Câmaras traseiras

Como se comporta a câmara tripla do Huawei P30 Lite? O facto é que os resultados são muito bons para uma câmara desta gamae. De dia as imagens desfrutam de um grande nível de detalhe, o foco é rápido e podemos facilmente captar imagens bastante impressionantes.

Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa 10

O alcance dinâmico é amplo e as cores são intensas. De facto, se ativarmos o botão de inteligência artificial, destacaremos ainda mais esses tons. Às vezes, especialmente em céus azuis, é como se ativássemos o HDR.

A câmara do P30 Lite tira fotos de 12 megapixels, aplicando a tecnologia Pixel Binning para ter uma luz melhor. A partir das configurações também podemos tirar fotos em 48 megapixels, mas o ganho não é muito e perdemos o alcance dinâmico. A nossa recomendação é tirar as fotos diretamente em 12 megapixels.

Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa 11

Embora este bom desempenho há pormenores que o afastam da perfeição. Mesmo sem o modo AI ativado, os tons do P30 Lite da câmara são bastante saturados. as cores são impressionantes, sim, mas às vezes acabam por resultar em imagens um tanto artificiais.

Em paisagens e cenas mais abertas não é algo problemático, já que essa intensidade ajuda a reforçar a imagem. No entanto, em objetos concretos ou, por exemplo, pratos de comida, acaba por se traduzir numa foto cuja cor não se parece com o original.

Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa 12

A inteligência artificial aplica cores muito artificiais nas cenas de comida, tanto que acabam por vezes por estragar a imagem. Isto é algo que não vemos no P30 Pro, são as limitações do Kirin 710 a marcar a diferença pela negativa neste caso.
Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa 13

Em condições de pouca luz, a fotografia continua a manter um bom nível de detalhe, embora seja perceptível que o foco e a nitidez se perdem consideravelmente.

Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa 14

Ainda que, à noite e em cenas de iluminação mais complicada seja onde o Huawei P30 Lite se destaca contra os seus concorrentes da média gama. A gestão da luz é muito boa e o nível de detalhe é mantido quando, em muitos casos, teríamos uma imagem completamente borrada.

Para completar a foto noturna, o Huawei P30 Lite adiciona um modo noturno semelhante ao que temos com os flagships. A operação é idêntica e os resultados são muito bons.

A vantagem do modo noturno é principalmente nas luzes e, por exemplo, os sinais ou luzes de rua ficam muito melhor com o maior tempo de exposição. Nota-se que a Huawei quer ser líder na fotografia noturna e apresentar um telefone com características mais humildes, com resultados que surpreendem é a prova que são mestres na fotografia móvel.

Na fotografia com a câmara grande ângular, note-se que o intervalo dinâmico é menor e o detalhe diminui ligeiramente. Mesmo assim, parece-nos ótimo ter esse modo, que permite uma maior versatilidade do que alguma vez pensámos possível há alguns anos.

O zoom é outra das características do Huawei P30 Lite e da sua câmara tripla. Neste caso, temos Zoom óptico de 2X, que alcança um alto nível de detalhe e os resultados são bons o suficiente para usarem numa base regular. Com o zoom óptico de 2x, não temos acesso ao modo retrato.

Além disso, através do uso de inteligência artificial, a Huawei oferece-nos zoom híbrido 6x. É uma adição interessante, mas com este nível de Zoom o detalhe cai completamente e a verdade é que a qualidade não é a melhor. Ficamos pelas 2x Zoom que já é muito mais do que a concorrência oferece.

Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa 15

A Huawei repete a estratégia com a câmara P30 Lite. Talvez as cores não sejam as mais adequadas, mas como na gama alta, temos uma câmara que se destaca com resultados muito bons à noite e com opções que dão tanta versatilidade como o zoom ou a grande angular.
Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa 16

Poucos telefones de gama média têm uma secção fotográfica tão completa quanto este Huawei P30 Lite. Uma câmara tripla capaz do melhor na sua faixa de preço.

Câmara frontal

A câmara frontal do Huawei P30 Lite também recebe uma nota positiva. as selfies são de boa qualidade, o foco é muito bom e a faixa dinâmica é mais do que correta. Este último ponto é importante, já que encontramos muitas câmaras frontais que queimam o céu atrás de nós.

Temos um sensor 24 megapixels com uma lente de abertura f / 2.0. Também permite aplicar inteligência artificial, corrigir algumas tonalidades e luzes, dependendo de estarmos dentro de casa ou de ter um pôr do sol atrás de nós.

Mesmo à noite, a câmara frontal não perde muito detalhe. Além disso, tem um modo onde podemos iluminar o ecrã para dar mais luz á cena como um flash, mas não produz o resultado mais  natural O modo retrato é feito por AI e deve ser dito que o corte é muito agressivo. Os resultados na frente são muito artificiais e não poderia ser de outra forma, o Huawei P30 Lite incorpora um modo de beleza. Embora seja um pouco genérico e só permite selecionar de 1 a 10 o nível de beleza que queremos aplicar.

Vídeo

A Huawei oferece gravação de vídeo em 1080p no formato 16: 9 ou 18,7: 9, no entanto, não temos gravação de vídeo 4K. A verdade é que teríamos gostado de ver este recurso, porque acreditamos que se encaixa com o nível fotográfico oferecido. O resultado é bom, com uma estabilização um tanto iprevisivel, mas um bom nível de detalhe. A cor é intensa e marcante e a gravação de som é aceitável. Não é o melhor, mas não distorce o som significativamente, mesmo em situações complicadas como um concerto.

O som é melhor com fones de ouvido

A Huawei P30 Lite mantém o jack de 3,5 mm para ligar o auscultadores , isto embora a fabricante já tenha lançado os seus próprios fones de ouvido Bluetooth, ainda apostam em dar aos utilizadores a opção de ouvir música da maneira tradicional. Algo que vai agradar a alguns. Na verdade, é através de fones de ouvido que obtemos a melhor experiência ao nível do som. No entanto o som não é o ponto forte do Huawei P30 Lite.

A Huawei permite que se apliquem várias configurações diferentes ao som, mas não há milagres. Na parte inferior, encontramos a coluna alto-falante. Não é estéreo e o som gerado é bastante simples, sem nuances e sem força. Um som um pouco abafado que nos deixou um desanimados. O volume está correto, chegando a 102 decibéis segundo o teste que fizemos. Podem subir o volume ao máximo sem verificar uma distorção significativa. Com os efeitos sonoros Huawei Histen ativados, o que temos é a capacidade de aplicar perfis predefinidos. Entre os disponíveis estão o automático, o áudio surround 3D, o natural ou o padrão. Também podemos aplicar efeitos concretos através de um equalizador.

Bateria: autonomia suficiente com uma carga rápida que não podia ser mais rápida

A Huawei tinha duas opções. Apostar num equipamento  mais grosso como o Huawei Y9 e ir assim até 4,000 mAh ou manter um design leve e fino, mas reduzir a bateria. No Huawei P30 Lite vemos que optaram pela segunda opção, temos 3.340 mAh, uma quantidade de bateria praticamente idêntica à que vimos no Huawei P Smart 2019.

Nesse sentido, não houve melhoria. Sim há carga rápida, já que a Huawei incorpora a porta USB tipo C e a carga rápida de 18W. Algo que era quase obrigatório se a Huawei queria convencer na média gama com este seu novo terminal. A bateria do Huawei P30 Lite é o suficiente para chegar ao final do dia . Durante uma semana de uso, conseguimos  cerca de 5 a 6 horas de ecrã dárias. Uma autonomia para chegar a casa no final do dia, masterá que ser carregado todas as noites.

É um resultado suficiente para a maioria dos utilizadores e o preço a pagar pela elegância e peso reduzido do terminal. Para complementar essa autonomia, temos carga rápida, embora tenhamos tido uma experiência um pouco surpreendente. O carregador incluído é de 9V e 2A Huawei Quick Charge, para um total de 18W. Mas o carregamento  total levou quase duas horas. Nos primeiros 30 minutos de carregamento carregou cerca de 35% da bateria. Mas para chegar a 50%, precisámos de cerca de 45 minutos. Estes não são números muito surpreendentes, especialmente em comparação com o excelente carregamento rápido que experimentamos em outros modelos Huawei.

Huawei P30 Lite conclusão

O sobrenome 'Lite' implicaabdicar de certas características. Porém a Huawei conseguiu manter o DNA da família neste Huawei P30 Lite.

O design é um dos sinais de identidade mais importante e o P30 Lite, apesar de cortar em certos aspectos como os materiais utilizados ou alguns acabamentos, consegue posicionar-se como um equipamento muito agradável,  não muito longe do que temos com os P30 standard e Pro. Outro elemento que a maioria dos utilizadores associa à Huawei é o seu compromisso com as câmaras triplas ou quádruplas. O Huawei P30 Lite proporciona uma qualidade logicamente mais modesta, mas sustenta a versatilidade fotográfica tão característica da marca com opções tão variadas como ou zoom óptico, detecção de cena, um modo grande angular e um modo noite espetacular.

A seção fotográfica é provavelmente o seu maior trunfo, porque, apesar de haver concorrentes mais poderosos , o Huawei P30 Lite destaca-se pela experiência que proporciona com as suas câmaras.

O DNA da Huawei está claramente refletido neste Huawei P30 Lite; com a sua câmara tripla, o "notch" em forma de gota de água, corpo leve e possivelmente o mais bem concebido dentro da faixa media. A autonomia também poderia ter sido melhor, mas temos carregamento rápido. Também devemos ter em mente que apostar em mais bateria significaria perder o design e aumentar o peso. A este respeito, a Huawei P30 Lite é um equilíbrio, onde o a balança pende ligeiramente para o lado do design externo, em vez do poder interno e batería.

O Huawei P30 Lite é o smartphone ideal para quem procura um smartphone, acessível, bonito, com NFC, relativamente poderoso e com uma boa câmera. O Huawei P30 Lite é um dos grandes aspirantes do ano a reinar na m+edia gama. Outro excelente terminal que apesar de não estar isento de compromissos, surge como um excelente opção pelo sus custo VS benefício.

 

Prós:

  • Leve com boa aderência e um dos mais belos designs nesta gama
  • Temos um painel com um bom nível de nitidez e brilho, além de um alto racio corpo VS ecrã
  • A seção fotográfica da Huawei continua com um ótimo nível, com zoom, modo noturno e uma câmera frontal que funciona muito bem
  • Um telefone que não esquece o reconhecimento facial ou NFC

Contras:

  • A EMUI parece por vezes um pouco "pesada" para o Kirin 710
  • Esperávamos mais em qualidade do som
  • A câmera traseira tende a saturar muito
  • O carregamento rápido não é muito.. rápido

 

Preço e disponibilidade Huawei P30 Lite

Até 9 de Maio, dura o período de pré-vendas do novo Huawei P30 Lite. Durante este período, quem reservar o P30 lite recebe os novos Huawei Freebuds Lite (brancos), os earphones (auriculares) sem fios com um design requintado que oferecem uma conectividade inteligente, um áudio de qualidade e uma bateria de longa duração.

Pvp €379,99

 

Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa
Análise Huawei P30 Lite. Agora sim a família está completa 17

Os modelos com o sobrenome 'Lite' costumam ser os grandes, pois apesar de não terem as melhores características, estamos a falar de verdadeiros best sellers. À primeira vista, é difícil diferenciar este Huawei P30 Lite dos seus irmãos mais velhos. Mas obviamente as diferenças são muitas, venham conhecê-lo melhor.

Editor's Rating:
4.3

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais