Nokia X6 está confirmado e não vem sozinho

Três novos smartphones Nokia foram vistos numa lista de certificação. Com os números de modelo TA-1075, TA-1105 e TA-1116, os dispositivos receberam aprovação regulamentar na Rússia.

Infelizmente, nada mais é conhecido  sobre estes dispositivos. Sabemos quê começaram a receber certificações, esperamos ouvir mais sobre eles em breve.

Enquanto isso, o nome do Nokia X66 foi confirmado. O nome foi visto numa lista  Bluetooth, lançando rumores de que o aparelho - que deve chegar a 16 de maio - será chamado de Nokia X66.

Nokia X6 está confirmado e não vem sozinho 1
O Nokia X6 virá com Android 8.1 e terá um processador octa-core, com clock de 1,8 GHz.

Nokia X6 de todos os ângulos

A listagem da TENAA não menciona um chipset específico, mas a velocidade do clock é igual à do Snapdragon 636. O facto do Nokia X6 ser um meio termo entre o Nokia 6 (2018) (Snapdragon 630) e o Nokia 7 plus (Snapdragon 660) torna isto ainda mais plausível. Existem três opções de RAM – 3/4/6 GB, enquanto o armazenamento é de 32 GB ou 64 GB.

Relacionado:  O primeiro tablet Nokia em muito tempo pode ser bom e barato com especifcações interessantes

O ecrã do Nokia X6 terá um recorte para a câmara selfie e fone de ouvido, compondo assim  a relação de ecrã 19: 9 com uma resolução de 2280×1080 pixels quee será de 5,8 ”na diagonal. O telefone em si vai ficar em 147.2x71x8 mm, perto do Nokia 6 (2018).

Há uma configuração de câmara dupla na parte de trás, com o sensor primário de 16 MP. A listagem não revela o sensor secundário, mas sabemos que a câmara selfie também terá 16 MP.

O Nokia X6 será oferecido nas cores Azul, Preto e Prata, com uma bateria selada de 3.000 mAh. O preço esperado é de cerca de US $ 250 / € 200, mas saberemos com certeza no dia 16 de maio, quando o telefone for oficial.

Via 1 2

 

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!