Android Geek
O maior site de Android em Português

Nintendo Switch continua a vender mais do que a concorrência

Apesar das questões de lançamento e projeções de vendas antecipadas terem sido uma verdadeira montanha-russa, a consola portátil da Nintendo pode ser declarada um sucesso legítimo para a empresa neste momento. Em março, a Switch tornou-se a peça de hardware mais vendida, superando as projeções da própria Nintendo e vendendo mais cópias de Breath of the Wild do que consolas. Embora as vendas tivessem desacelerado no mês após o lançamento, caindo de 906.000 unidades em março para 280.000 unidades abril, a  Nintendo Switch ainda continuou a liderar.

Antes do lançamento, os analistas externos estimaram que a Nintendo movimentaria cerca de cinco milhões de aparelhos no primeiro ano, de modo que os cerca de 1,2 milhões vendidos até agora o colocaram no caminho certo. Por outro lado, o Wall Street Journal informou em março que a empresa aumentou a produção de 8 para 16 milhões de unidades em 2017, depois da consola ter começado a voar das prateleiras, então a Nintendo pode estar à espera que a Switch se mostre ainda mais no período de férias que está a chegar.

Nintendo Switch continua a vender mais do que a concorrência 1

Enquanto isso, novos lançamentos de jogos devem ajudar a Nintendo a vender mais algumas consolas, especialmente se o sucesso não tão surpreendente do Mario Kart 8 Deluxe servir de indicador. Em apenas dois dias, a última entrada na amada franquia tornou-se no jogo mais vendido durante todo o mês, movendo mais de 550.000 cópias físicas e digitais. Se os próprios anúncios iniciais da Nintendo forem reais, uma grande quantidade de jogadores se reunirá em torno de um jogo do Mario Kart ou Splatoon 2 durante este verão.

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma 😉

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma ;)
close-link