Meizu pode usar Huawei Mobile Services e ser a primeira empresa externa com HMS

Mas com a expansão, não apenas a Huawei, mas outras empresas estão a considerar juntar-se ao ecossistema de software da Huawei.

Os Huawei Mobile Services (HMS) já demonstraram a sua capacidade em face das sanções dos EUA e capacitaram a Huawei para se erguer por conta própria em termos de ecossistema de software móvel. Mas com a expansão, não apenas a Huawei, mas outras empresas estão a considerar juntar-se ao ecossistema de software da Huawei. Recentemente, um membro da equipa da Huawei revelou que a Meizu, fabricante chinesa de smartphones, usará o HMS Core como Huawei Mobile Services. Esta é uma boa notícia e pode ser a pedra base para os fabricantes de telefones chineses adotarem os serviços de software da Huawei em vez dos do Google.

Isso também pode levar a uma adaptação do HarmonyOS nos telefones da Meizu no futuro, mas nada é certo neste momento. Atualmente, os telefones Meizu usam os serviços do Android, mas o HMS permitirá que ofereçam serviços exclusivos da China que estão disponíveis nos equipamentos da gigante chinesa como Huawei Video, música e AppGallery.

O HMS Core: Huawei Mobile Services (HMS) oferece uma grande quantidade de serviços para programadores e utilizadores. O HMS Core oferece um conjunto de recursos de nuvem, o que permite um alto e rápido desenvolvimento para programadores de aplicações. O HMS Core fornece serviços básicos, como Huawei ID e pagamento para utilizadores de dispositivos Huawei. Após a integração do Huawei ID, o programador pode fornecer vários serviços, como AppGallery, Nuvem e Saúde.

Relacionado:  Análise ASUS Zenfone 8. Os Smartphones não se medem aos palmos

Meizu pode usar Huawei Mobile Services e ser a primeira empresa externa com HMS 1

 

Além disso, o HMS Core oferece aos programadores aplicações com vários serviços chamados “Kits”. No ano passado, na Huawei Developer Conference 2020, a Huawei apresentou 5 novos kits no ambiente de núcleo HMS, o HMS Core tem mais de 56 kits HMS Core em 7 categorias de serviço diferentes. Num único ano, os recursos de abertura da versão mais recente do HMS Core aumentaram de 14 kits para 56 kits, o número de APIs saltou de 885 para 12.981 que cobrem sete áreas principais, para ajudar os programadores a inovar e simplificar o processo de desenvolvimento. Com esse incremento, a Huawei está a aumentar seus recursos de API de software para recursos como navegação, pesquisa, mapa, pagamento, publicidade, aprendizagem de máquina, IA, AR, VR, gráficos, segurança e muito mais.

Meizu pode usar Huawei Mobile Services e ser a primeira empresa externa com HMS 2

(Fonte - ITHOME)

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!