Android Geek
O maior site de Android em Português

ByeBye EMUI: Huawei Mate 10 e Mate 10 Pro iniciam com sucesso a versão stock do Android 8.0 AOSP

Uma das melhores características do Android 8.0 Oreo é Project Treble. É basicamente uma reformulação da estrutura do Android e, principalmente, tem que ver com a Google separar o quadro de estrutura de android da implementação do fabricante, tornando mais fácil, menos dispendioso (e, mais importante, mais rápido ) para esses fabricantes em disponibilizar as atualizações de software sem prejudicar o sistema operativo principal do Android.

ByeBye EMUI: Huawei Mate 10 e Mate 10 Pro iniciam com sucesso a versão stock do Android 8.0 AOSP 1

 

Parece ótimo, certo? O problema? Nem todos os dispositivos que executam o Android 8.0 Oreo o apoiarão.

Mas para aqueles que fazem - como o Huawei Mate 9 , Huawei Mate 10 e Huawei Mate 10 Pro - também trazem outros benefícios adicionais que poderia dar nova vida ao desenvolvimento da ROMs de Android: As ROMs AOSP a funciona.
Para aqueles que não sabem, uma ROM AOSP é basicamente um bare bones, versão sistema operativo Android construído desde o início. É uma ótima forma para aqueles que não gostam de uma versão personalizada das fabricantes do Android (TouchWiz no Galaxy S8, LG UX na LG, etc.) e permite que eles executem uma experiência pura do Android sem o intermediários. Tanto o Mate 10 como o Mate 10 Pro executam a EMUI 8.0, uma versão muito colorida do Android, que pode ser prejudicial para aqueles que vêm de outro fabricante de Android.

Huawei Mate 10 Pro
Huawei Mate 10 Pro

Embora o desenvolvimento da ROM AOSP não tenha sido muito popular nos dispositivos da Huawei, isso pode mudar com os Mate 10 e Mate 10 Pro, onde os nossos amigos do XDA descobriram que ao flashar uma compilação genérica do Android Oreo do AOSP nos dispositivos, não tinham qualquer problema. Aparentemente, não foram feitas modificações específicas do dispositivo e a mesma imagem do sistema que funcionou no Mate 10 e Mate 10 Pro também funcionou em dispositivos com Kirin 960, dispositivos Kirin 970 e até nos dispositivos com Snapdragon 835. Mas a inicialização de uma ROM AOSP semi-funcional é apenas uma parte da história. Enquanto alguns dos recursos do telefone funcionam sem qualquer tipo de problema (a câmara, por exemplo), alguns erros como o controlo deslizante de brilho e outros ainda precisam de algum trabalho.

Coisas bastante interessantes, especialmente se estivesse a considerar comprar um desses dispositivos e não se importasse de mexer no software do seu telefone. Para ajudar a acelerar o desenvolvimento da ROM, pode fazer a sua parte do Projeto Treble Development Forum da XDA, aqui.

Ajuda-nos a chegar mais longe, partilha com os teus amigos

Obrigado pela visita!
Fonte xda

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Ajuda-nos a chegar mais longe, partilha com os teus amigos

Obrigado pela visita!
close-link