Android Geek
O maior site de Android em Português

LG G6 virá equipado com Snapdragon 821 por estratégia comercial

Se vocês fazem parte daquele grupo dos que mantinham uma esperança que o novo Flagship LG G6 viesse com o mais recente chipset da Qualcomm está na altura de cair na real.

Informações anteriores disseram que a Samsung, que está a produxir o SD835 com a Qualcomm, ficará com toda a produção inicial do SnapDragon 835 para o seu Galaxy S8, ficando assim sem chips para concorrentes como a LG. Aqui está a confirmação de que felizmente para  a Samsung isto é tudo verdade.

A imagem abaixo foi captada na CES, e mostra um slide confidencial da LG sobre o G6. Existem alguns elementos que comprovam a veracidade da imagem, tais como a marca ‘Full Vision’ para o ecrã de 2,880×1,440 18: 9, juntamente com o fato de que o telefone será resistente à água e poeira e terá um scanner de impressão digital montado na traseira.

LG G6 virá equipado com Snapdragon 821 por estratégia comercial 1

Há também a menção de um quad DAC, embora poderá só estar disponível em certos mercados. A coisa mais importante nesta imagem é o campo “CPU”, porque isso confirma de uma vez por todas (bem, antes do anúncio oficial do G6) que a LG escolheu o Snapdragon 821 do ano passado para o seu próximo smartphone .

As informações que nos chegam hoje entram em mais detalhes sobre o raciocínio da empresa coreana para esta decisão. Devido à forma como a fabricação de chipsets móveis funciona, aliado aos números esperados de vendas da Samsung para as primeiras semanas de disponibilidade do Galaxy S8, verifica-se que outros fabricantes de smartphones, na melhor das hipóteses, serão apenas capazes de lançar dispositivos SD835 no final de maio/Início de junho. Mesmo que a  LG conseguisse ser a segunda na lista a ter disponiveis o SD835  isso significaria que o G6 iria apenas ficar disponível cerca de três meses mais tarde do que se lançasse com o SD821.

O telefone é esperado para à venda em março, após a sua apresentação no MWC em 26 de fevereiro.

A estratégia atual significa que o G6 não terá que lidar com a concorrência do S8 durante quase seis semanas na Coreia do Sul. Esse tempo será mais reduzido noutros mercados, mas o G6 estará disponível em todos o lado antes do S8, e a LG acha que vale a pena o risco de apresentar um SoC do ano passado para disponibilizar o equipamento mais rápido.

Como a Samsung já nos mostrou com o Note7 a pressa é inimiga da perfeição, vamos ver dentro dos próximos meses o resultado desta decisão arrojada da LG.

 

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma 😉

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma ;)
close-link