Android Geek
O maior site de Android em Português

Intel acelera os planos do seu modem 5G

A Intel não está disposta a deixar que a Qualcomm reivindique o lugar de pioneira nos Chipsets móveis 5G. A empresa está a intensificar os seus esforços para o lançamento de um novo modem 5G, o XMM 8160.

A Intel não está disposta a deixar que a Qualcomm reivindique o lugar de pioneira nos Chipsets móveis 5G. A empresa está a intensificar os seus esforços para o lançamento de um novo modem 5G, o XMM 8160. A parte sem fio está prevista para chegar no segundo semestre de 2019 e promete velocidades de até 6 Gbps para telefones, PCs e banda larga doméstica. Também suporta tecnologias LTE e anteriores, os fabricantes de dispositivos não precisarão ter dois chips consumindo espaço extra e vida útil da bateria.

iPhone de 2019 com chipset  Intel 5G?

A Intel está a desenvolver o 8161 com um chip de transição chamado 8060, o Chip que será usado para testar o 5G no iPhone. É digno de nota que o 8161 será fabricado a usar o processo de 10 nanômetros da Intel, tecnologia de fabrico que promete aumento de velocidade e eficiência.

Originalmente esperado para estar pronto para a produção em massa em 2016, o processo de 10nm da Intel sofreu vários contratempos à medida que a empresa enfrenta problemas de produção. No fim do mês passado, o CEO interino Bob Swan disse que está a haver progresso na produção em volume, mas é improvável que a tecnologia de chips há muito esperada esteja pronta até 2019.

A Intel deverá permanecer com a Apple como único fornecedor de chips de banda base quando o 5G chegar ao iPhone, embora o gigante da tecnologia tenha ficado “insatisfeito” com a fabricante de chips, diz o relatório. Detalhes adicionais não foram fornecidos, embora a Fast Company especule que os problemas de dissipação de calor com o modem 8060 são responsáveis ​​por relações tensas entre as partes.

Conforme explicado pela fonte, as operadoras em transição para o 5G dependerão inicialmente do espectro de ondas milimétricas, uma tecnologia que coloca uma grande quantidade de stress nos modems dos smartphones. Os requisitos de processamento acima do normal geram excesso de calor e prejudicam a vida útil da bateria do aparelho, problemas com os quais a Intel está a lidar.

Diz-se também que a Apple teria aberto conversações com o fornecedor MediaTek para fornecer chips de modem se a Intel não for capaz de resolver os problemas.

Assim como o 4G LTE é a atual porta padrão na tecnologia de comunicações sem fio, o 5G também verá uma rápida adoção pelos fabricantes de smartphones nos próximos anos. A Qualcomm está declaradamente a aumentar a produção dos seus chipsets com capacidade para 5G em antecipação aos primeiros grandes lançamentos de smartphones em 2019.

A Apple normalmente demora para adotar dos padrões smartphones mais rápidos na sua linha iPhone. O primeiro iPhone, por exemplo, foi lançado sem suporte para o padrão 3G de última geração, enquanto a integração 4G LTE chegou um pouco tarde com o iPhone 5 em 2012.

O plano do lançamento de um iPhone compatível com 5G em 2020 deve melhorar com os planos de implantação de infraestrutura existentes. As operadoras estão apenas nos primeiros estágios das suas respectivas redes com estações base compatíveis, e a proliferação em direção à disponibilidade generalizada será lenta. Por exemplo, a Verizon entregou este mês o 5G Home, um serviço de banda larga doméstico considerado como a primeira implementação comercial 5G do mundo.

 

Fonte



Fique atento à nossa página do Facebook e Twitter para obter as notícias em primeira mão.

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais