Android Geek
O maior site de Android em Português

Huawei pode perder o Android mas já tem um Plano B

Normalmente as marcas desenvolvem novas funcionalidades e recursos com vista a inovar e apresentar novas opções aos seus clientes. Mas outras vezes é simplesmente porque é necessário um plano B no caso de ficarem impedidos de usar a tecnologia que preferem.

Huawei pode perder o Android mas já tem um Plano B 1

Confusos? Eu passo a explicar.

Como sabem os EUA estão numa "guerra" assumida com empresas chinesas como a Huawei e ZTE. Apesar de os dois casos terem diferenças entre si, no limite as sanções aplicadas podem ser transversais às duas empresas.

Enquadramento: Huawei traída por operadoras nos EUA

A primeira facada nas aspirações de entrada da Huawei no mercado Norte Americano foi a operadora  AT&T ter voltado atrás e desistido da intenção de comercializar equipamentos da chinesa Huawei, e desistir assim de ser a primeira operadora a vender aparelhos Huawei nos Estados Unidos.

Huawei é traída por operadora Norte Americana AT&T à última da hora image

O motivo para a desistência da AT&T não foi esclarecido pelas fontes. Mas o governo atual dos estados unidos e a sua política protecionista com empresas nacionais aliada a uma desconfiança irracional sobre tudo o que vem de fora colocam assim uma pausa injusta na cavalgada da Huawei para território norte americano. É triste mas os negócios são assim mesmo.

 

 

O que pode acontecer à Huawei no limite?

A Huawei tem se dado muito bem, mesmo sem ter uma presença forte no mercado Norte Americano, então porque isto pode ser catastrófico?

Outras das visadas deste ataque ás empresas é a ZTE. Segundo a Reuters, o Departamento de Comércio dos Estados Unidos veio a sancionar a fabricante chinesa de equipamentos de telecomunicações e de smartphones, ZTE por causa das importações da empresa para o Irão, que quebraram certos embargos comerciais impostos ao país asiático. Embora a ZTE já tenha recebido uma multa de 890 milhões de dólares devido a transgressões às quais se declarou culpada no ano passado, os fornecedores dos EUA foram proibidos de vender quaisquer componentes para a empresa.

Já caiu a ficha? A Google é uma empresa americana, o Android é um produto da Google. A Google pode ser proibida de "exportar" Android para os equipamentos Huawei.

Huawei está a trabalhar num sistema operativo alternativo ao Android. Segundo o jornal South China Morning Post (SCMP), que cita “quatro pessoas familiarizadas com os planos da empresa".

Honestamente não acredito que chegue a esse ponto, mas a Huawei não chegou a 3ª maior fabricante mundial a deixar pontas soltas. Se o governo dos EUA apertar mais o cerco, a empresa chinesa já tem um caminho alternativo delineado para sobreviver ao ataque.

 

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais