Android Geek
O maior site de Android em Português

Huawei Mate 10 não vai precisar de Headphone Jack, já tem tudo para ser perfeito

A Huawei tem aplicado uma estratégia implacável no mercado mobile, cada passo, cada decisão é tomada de forma consciente e planeada de forma a que o objectivo de chegar a ser líder mundial esteja cada vez mais próximo. O próximo tijolo neste castelo que a Huawei está a construir é o Huawei Mate 10 sobre o qual não se sabe muito, mas sobre o qual é possível tirar algumas ilações se estivermos atentos.

A Huawei só dá passos seguros. Quando apresentou as suas câmeras duplas em parceria com a Leica pouca margem de erro existia, é um produto de qualidade inEquívoca, uma fórmula vencedora que rapidamente contagiou o resto da indústria. Hoje todos os Flagships apresentam esta configuração.

Noutros aspectos a Huawei tem sido mais conservadora, nomeadamente no que à resolução dos ecrãs dos seus equipamentos diz respeito. Os ecrãs dos Huawei têm ficado sempre abaixo das resoluções tremendas que alguns concorrentes apresentam. Na prática estas resoluções apenas fazem a diferença efectiva quando se fala de Realidade Virtual e parece que a Huawei tem feito uma excelente aposta em não apostar, pois a Realidade Virtual está longe da taxa de penetração que era adivinhada há algum tempo.

O resultado é a chinesa Huawei conseguir apresentar terminais com autonomia incomparável, pois não há elementos exagerados a consumir recursos de forma inútil.

Qual é o próximo passo?

Pois bem, os ecrãs Bezel-less são a tendência de 2017 e só um louco ignoraria este pormenor na construção de um equipamento que se deseja que esteja no topo, é certo e sabido que o Mate 10 terá um ecrã EntireView.

mate_10.jpg

 

Adeus HeadPhone Jack

O que pode também vir incluido neste novo flagship é a ausência de HeadPhone Jack. Este foi um passo que foi dado primeiramente (com maior impacto mediatíco) pela Apple, mas também por outras fabricantes como é o caso da Motorola e a sua linha Z.

iphone-7.jpg
iPhone 7

O Huawei Mate 10 vai assinalar um assalto concreto ao 2ª lugar por parte da Huawei, e se o que temos visto em rumores e especulações se confirmar. Pode estar mais próximo do que nunca.

O Huawei Mate 10 terá um ecrã de 5,9 polegadas, notem que este ecrã é do mesmo tamanho do seu antecessor, o Mate 9, mas terá uma proporção 18:9, o que tornará o equipamento ligeiramente mais pequeno.

Suposto Huawei Mate 10
Suposto Huawei Mate 10

Em termos de configuração da câmara, o Mate 10 virá com uma configuração de câmara dupla da Leica SUMMILUX com abertura de 1:6,e sensores frontais de 16MPx. Espera-se que o Mate 10 execute o próximo Android 8.0 “O” com a habitual “capa” da empresa, a EMUI.

O dispositivo será alimentado pelo Kirin 970 da Huawei (com o novo processo de 10nm) emparelhado com 6GB de RAM para a sua versão Pro (que é a que receberemos no mercado nacional).

mate10.jpg

Este confirmado Kirin 970 competirá assim ao mesmo nível com o Snapdragon 835 da Qualcomm e o Exynos 8895. O mais recente e inovador processador Kirin 970 da Huawei é a primeira plataforma móvel de
computação IA da Huawei, que conta com uma Unidade de Processamento Neural dedicada (NPU). O
Kirin 970 é construído com base num processo avançado de 10nm, que contém 5,5 milhões de
transístores numa área de apenas 1cm². O chipset é alimentado por uma CPU de 8 núcleos e uma GPU
de 12 núcleos de próxima geração. Comparado com um cluster quad-core Cortex-A73 CPU, a nova
arquitetura de computação heterogénea do Kirin 970 oferece até 25x o desempenho com 50x maior
eficiência. Simplificando, o chipset do Kirin 970 pode executar as mesmas tarefas de computação IA mais
rapidamente e com muito menos energia. Num teste de reconhecimento de imagem de referência, o
Kirin 970 processou duas mil imagens por minuto, tornando-o mais rápido do que os outros chips no
mercado.

Huawei Mate 10 não vai precisar de Headphone Jack, já tem tudo para ser perfeito 1

Conforme já tínhamos referido a  Huawei está a trabalhar na atualização do Android 8.0, que será baseada no EMUI 6. Sabemos que a versão 6 da Skin da Huawei já se encontra a ser testada para os mais recentes flagships, pelo que a conclusão óbvia é que o novo Huawei Mate 10, trará de fábrica Android 8.0 na forma de EMUI 6.

Com o lançamento do Android 8.0 com base no EMUI 6, os dispositivos da Huawei irão ter uma melhor experiência de utilizador em comparação com o atual EMUI 5, que é baseada no Android Nougat.

Quem já o confirmou foi Yu Chengdong, CEO do Huawei Consumer BG e dos dispositivos Huawei, na rede social Weibo. A EMUI 6 trará uma experiência de utilizador mais suave.

A gama Mate da Huawei é das mais completas e apelativas da marca e mesmo entre a concorrência. O Huawei Mate 9 é uma máquina extraordinaria. Não esperamos nada menos do que isso do seu sucessor.

A apresentação oficial é a 16/10/2017 em Munique e lá estaremos para vos trazer tudo sobre este super Huawei Mate 10.

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma 😉

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma ;)
close-link