Android Geek
O maior site de Android em Português

Huawei demite empregado preso na Polónia por suposta espionagem

  Um funcionário da Huawei foi preso na Polónia por supostamente espionar em nome do governo chinês. A TVPInfo deu a notícia hoje cedo (via Bloomberg, Jornal de Wall Street) no meio de crescentes tensões entre os EUA e a China.

O incidente ocorre num momento particularmente sensível para a Huawei. Além da desconfiança generalizada provocada por governos ocidentais e agências de inteligência, a CFO Wangzhou Meng é a enfrentar a extradição para os EUA por acusações de violar sanções aplicadas ao Irão. 

Um funcionário da Huawei foi preso na Polónia por supostamente espionar em nome do governo chinês. A TVPInfo deu a notícia hoje cedo (via Bloomberg, Jornal de Wall Street) no meio de crescentes tensões entre os EUA e a China.

O funcionário, um cidadão chinês que trabalha como diretor de vendas, foi preso ao lado de um ex-funcionário de alto escalão da agência de segurança interna da Polónia.

Huawei demite empregado preso na Polónia por suposta espionagem 1

Além disso, já existem consequências potenciais. O Ministro dos Assuntos Internos polaco Joachim Brudzinski pediu à União europeia e a OTAN para coordenar quaisquer possíveis proibições de equipamentos da Huawei. A Polónia ainda está disposta a trabalhar com a China, o funcionário queria que os países esclarecessem as suas posições. Já se falou em rever o envolvimento da Huawei na rede 5G da Polónia, e isso pode exacerbar a situação.

 

Partilhem com os vossos amigos e ajudem este projecto em Português.

Obrigado pela visita!

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Partilhem com os vossos amigos e ajudem este projecto em Português.

Obrigado pela visita!
close-link