Android Geek
O maior site de Android em Português

HTC afirma que não vai sair do mercado de smartphones

A 21 de setembro de 2017, a HTC e o Google anunciaram que chegaram a um acordo formal no valor de 1,1 bilião de dólares. De acordo com o contrato, alguns membros da divisão de dispositivos móveis da HTC ingressavam na divisão de hardware da Google.

A 21 de setembro de 2017, a HTC e o Google anunciaram que chegaram a um acordo formal no valor de 1,1 bilião de dólares. De acordo com o contrato, alguns membros da divisão de dispositivos móveis da HTC ingressavam na divisão de hardware da Google. Ao mesmo tempo, a HTC iria manter a sua própria marca e equipa de smartphones e continuava a lançar novos produtos. No resto do ano, a HTC lançou vários novos produtos, mas nenhum deles teve sucesso.

Ontem 25 de novembro de 2018, o Electronic Times disse que a HTC oficialmente respondeu à notícia de que “o principal plano de produtos para o primeiro semestre de 2019 havia sido cancelado” e disse que não sairá do mercado de smartphones. No entanto, isso não é nada de novo.

Apenas há alguns dias, o Phandroid anunciou que o smartphone U12 + da HTC lançado em maio deste ano se tornaria a última máquina principal deste fabricante. Mas a HTC respondeu a esta notícia e disse que os smartphones ainda são parte integrante da vida humana, e eles também acreditam que os próximos 10 anos de mudança serão liderados pela tecnologia chave em VIVEReality. Ao mesmo tempo, a HTC também anunciou que irá introduzir modelos diferentes com preços e posicionamento diferentes em vários grupos de consumidores em resposta às mudanças do mercado e à procura.

HTC afirma que não vai sair do mercado de smartphones 1

Parece que esta é uma resposta clara e informativa, mas, obviamente, isso não dissipa o mundo exterior. Na verdade, já a 16 de novembro, alguns utilizadores descobriram que o mais recente modelo U12 + com Snapdragon 845 da HTC foi removido da Tmall e Jingdong, Suning e outras plataformas, e a Lei Feng também descobriu que este produto está fora de stock, no site oficial da HTC na China. No entanto, de acordo com a mesma fonte, o HTC U12 + ainda está à venda no site oficial da HTC nos EUA e em Hong Kong. Além disso, no site oficial da China, alguns modelos como o HTCU 11+ ainda podem ser adquiridos.

O HTC U12 + foi lançado a 12 de junho, com um preço de 5888 yuan (€ 747). Durante os dois primeiros meses de venda, caiu para 5188 yuans (€ 420).

De acordo com os dados mais recentes do relatório financeiro da HTC, o lucro operacional do terceiro trimestre da HTC foi de NT $ 4,04 biliões, ou cerca de US $ 130 milhões. A margem de lucro bruto aumentou de 2,7% no trimestre anterior para 4,7%, enquanto a perda foi ampliada em comparação com o trimestre anterior, a atingir cerca de US $ 84 milhões. No entanto, nos três primeiros trimestres deste ano, a HTC ainda alcançou um lucro líquido de NT $ 16,4 biliões, principalmente devido ao acordo de US $ 1,1 bilião entre a Google e a HTC.

Além disso, o preço das acções da HTC continua a cair em conjunto com as perdas contínuas. A Lei Feng.com informou que após o lançamento do relatório financeiro do segundo trimestre de 2017, o preço das acções da HTC caiu quase 10%, caindo abaixo de NT $ 70. Agora, mais de um ano se passou, o preço das acções da HTC continua a cair para NT $ 41,9. Comparado com o ponto mais alto de NT $ 1238,1 em 1 de abril de 2011, pode-se dizer que é extremamente atrasado.

Ajuda-nos a chegar mais longe, partilha com os teus amigos

Obrigado pela visita!
Fonte Sina - Chinês

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Ajuda-nos a chegar mais longe, partilha com os teus amigos

Obrigado pela visita!
close-link