Android Geek
O maior site de Android em Português

Google silenciosamente remove Huawei Mate 20 Pro da página Android Q Beta

Uma licença temporária permitiu-lhe continuar a fazer negócios com os principais parceiros e fornecedores dos EUA por um período de três meses.

 

Pelo meio da controvérsia entre a Huawei, o Google e os EUA, o Huawei Mate 20 Pro foi removido da página do Android Q Beta. Por enquanto, não está claro se o Google removeu o dispositivo da extensa lista antes ou depois da concessão da Huawei. Uma licença temporária permitiu-lhe continuar a fazer negócios com os principais parceiros e fornecedores dos EUA por um período de três meses.

Essa última acção do Google aumenta ainda mais a incerteza em relação às principais actualizações futuras para dispositivos Huawei. A grande maioria da imprensa escreve que, cada vez é mais provável que o Mate 30 e Mate 30 pro venham no outono com algum tipo de sistema operativo interno pré-instalado. A Huawei está especialmente convencida de que o seu próprio sistema operativo terá suporte a aplicações Android, no mesmo sentido do Tizen e do Sailfish OS. No entanto aqui no androidgeek pensamos que as coisas provavelmente não chegarão a este ponto, sabemos que a marca desenvolve há uns anos o seu próprio SO, com base no AOSP, mas não acreditamos que verá a luz do dia nesta altura do campeonato.

DxOMark Huawei Mate 20 Pro

Apesar de isto tudo, a página de programador Huawei Mate 20 Pro para a actualização ainda está em funcionamento, e o Google alega que serviços como o Google Play continuarão a funcionar nos dispositivos da Huawei. Isso pode ser simplesmente porque a Huawei tem as suas prioridades em outros lugares, embora esperemos que a empresa obtenha algum tipo de solução alternativa para isto.

Quanto mais ouvimos da Huawei, mais optimistas nos sentimos sobre o futuro da marca. Uma informação recente afirmava que, em preparativos para as incertezas da eventual guerra comercial, a Huawei já fez stock de componentes cruciais até 12 meses. Acrescente a isso um possível sistema operativo Huawei KirinOS, e ficamos com um dos anos mais estranhamente excitantes da tecnologia até agora.

 

Fonte

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais