Google e Facebook debaixo de fogo nos Estados Unidos

Como referido pela informação vinda do WSJ, as autoridades antitruste federais e estaduais dos EUA estão preparar-se para abrir novos processos contra duas das principais empresas de tecnologia – Google e Facebook. A informação acrescenta que ambas as empresas enfrentam cerca de mais quatro processos, que devem ser iniciados até ao final de janeiro de 2021.

Parece que os problemas da Big Tech com as autoridades antitruste dos Estados Unidos continuam a crescer a olhos vistos. Como referido pela informação vinda do WSJ, as autoridades antitruste federais e estaduais dos EUA estão preparar-se para abrir novos processos contra duas das principais empresas de tecnologia - Google e Facebook.

A informação acrescenta que ambas as empresas enfrentam cerca de mais quatro processos, que devem ser iniciados até ao final de janeiro de 2021. Isto acontece poucas semanas depois do Departamento de Justiça entrar com uma ação antitruste contra o Google.

Logotipo do Google em destaque

Quanto a estes novos problemas jurídicos para as empresas, funcionários da agência estão a investigar ambos Google e o Facebook alegando que abusaram da sua posição na indústria para dominar os setores de Pesquisa, Publicidade e Redes Sociais.

Se os processos forem aceites, será a primeira vez que o Facebook enfrentará uma ação antitruste nos Estados Unidos. No entanto, ambas as empresas afirmaram que  atuam num mercado altamente competitivo e oferecem a maior parte dos seus serviços gratuitamente que beneficiam o consumidor.

Relacionado:  Como criar um álbum de fotos sem Internet no Google Fotos

Os 4 Cavaleiros do AntiTruste

The Big Four, que inclui Amazon, Apple, Google e Facebook, tem estado sob fogo a respeito das suas práticas de negócios. No início deste ano, as empresas enfrentaram o Congresso e todas as quatro ainda estão sob o escrutínio das autoridades antitruste.

A Apple está a enfrentar investigação sobre o uso da App Store para possíveis práticas anticompetitivas, a Amazon está sob investigação da Federal Trade Commission (FTC) para determinar se a empresa usa injustamente o seu domínio no espaço de comércio eletrónico contra concorrentes e pequenos comerciantes.

Informações indicam que a FTC deve abrir o seu próprio processo contra o Facebook neste mês, enquanto uma coligação de procuradores-gerais do estado pode abrir o seu próprio processo contra o gigante das Redes Sociais nos próximos dias. Fica a dúvida se os dois casos serão registados em conjunto.

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!