Descubra como o Nothing Chats traz o iMessage para os smartphones Android

Descubra a solução de mensagens privadas do iMessage para iPhone e a novidade da empresa Nothing: o aplicativo Nothing Chats para smartphones Android. Disponível a partir de 17 de novembro.

O “debate das bolhas”: como o Nothing Chats está mudar a forma como enviamos mensagens

Os smartphones iPhone e Android diferem de muitas maneiras. Mas uma distinção notável é o debate das “bolhas verdes” versus “bolhas azuis” no iMessage. O iMessage oferece uma solução simples e focada na privacidade para utilizadores de iPhone. No entanto, mensagens de Android aparecem com uma bolha verde em vez da tradicional azul. Agora, uma nova aplicação chamada Nothing Chats está prestes a mudar isso.

Descubra como o Nothing Chats traz o iMessage para os smartphones Android 1

O que é o Nothing Chats

A empresa integrou o iMessage em seu mais novo smartphone Android. Através da aplicação “Nothing Chats”, alimentado pela plataforma de mensagens Sunbird, os utilizadores poderão enviar mensagens azuis no iMessage. Essa novidade estará disponível para utilizadores da União Europeia, América do Norte e outros países europeus a partir de 17 de novembro, sexta-feira.

De acordo com a empresa, a criação do Nothing Chats ocorre porque “os serviços de mensagens estão dividindo os utilizadores de telefones”. Através dessa nova aplicação, a empresa pretende “derrubar essas barreiras”. No entanto, há um porém: para que suas mensagens apareçam como bolhas azuis no iMessage, é necessário confiar na Sunbird.

Descubra como o Nothing Chats traz o iMessage para os smartphones Android 2

De acordo com a seção de perguntas frequentes do site, a Sunbird oferece um sistema de entrega de mensagens sem armazenamento. Isso significa que as mensagens serão entregues diretamente entre os utilizadores, sem serem armazenadas nos servidores da Sunbird. O conhecido especialista em tecnologia Marques Brownlee teve acesso prévio aa aplicação e confirmou que as mensagens não são armazenadas. Ele explicou que o funcionamento é semelhante aos serviços de ponte do iMessage para Android do passado, onde as mensagens são roteadas por um servidor remoto.

A representante de relações públicas da Nothing nos EUA, Jane Nho, explicou que a Sunbird armazena as credenciais do iCloud dos utilizadores como um token, em um banco de dados criptografado. Esses tokens estão associados a um dos Mac Minis da Sunbird na Europa ou nos EUA, que atuam como um router para as mensagens enviadas pela aplicação Nothing Chats.

Recursos e Limitações

O Nothing Chats oferece recursos básicos, como a animação de digitação para o destinatário e a capacidade de partilhar media não compactada. No entanto, alguns recursos mais avançados do iMessage, como a edição de mensagens já enviadas e as reações do Tapback, ainda não estão disponíveis na aplicação. Além disso, a aplicação ainda não está completamente estável, sendo necessário enviar mensagens várias vezes em alguns casos.

No entanto, a Nothing planeia introduzir recursos adicionais, como reações de mensagens e confirmação de leitura, em breve. Para ter acesso ao Sunbird, é necessário entrar na lista de espera ou adquirir o smartphone Nothing Phone (2), que é o único dispositivo compatível com a aplicação por enquanto.

Conclusão

O Nothing Chats está a trazer uma nova solução para o debate das “bolhas verdes” versus “bolhas azuis” no iMessage. Embora ainda não seja perfeito e tenha algumas limitações em relação ao iMessage, a aplicação oferece uma alternativa para utilizadores de Android que desejam enviar mensagens como bolhas azuis no iMessage. No entanto, é importante manter uma dose de ceticismo e estar ciente das políticas de privacidade da Sunbird.

Para mais notícias sobre tecnologia e ficar atualizado sobre todas as novidades, não deixe de seguir o AndroidGeek!

Fonte

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!