Android Geek
O maior site de Android em Português

Coreia do Sul planeia limitar a exportação de equipamentos de fabrico de OLED

Recentemente, a concorrência no setor de OLED aumentou à medida que as marcas chinesas, como BOE, Tianma e Huaxing Optoelectronics, entraram no mercado e estão a tornar-se mais fortes. De acordo com relatos da imprensa coreana, o país está a planear limitar a exportação de equipamentos de fabrico de OLED, que serão incluídos no escopo da tecnologia básica do país e, no futuro, devem passar por um processo de aprovação complicado.

O negócio de display OLED é muito promissor e parece que os principais players deste negócio são da Coreia do Sul. A Samsung tem uma grande fatia do negócio OLED, enquanto outra fabricante sul-coreana, a LG, está a tentar recuperar o atraso, mas ainda está longe. Recentemente, a concorrência no setor de OLED aumentou à medida que as marcas chinesas, como BOE, Tianma e Huaxing Optoelectronics, entraram no mercado e estão a tornar-se mais fortes.

Coreia do Sul planeia limitar a exportação de equipamentos de fabrico de OLED 1

Coreia do Sul planeia limitar a exportação de equipamentos de fabrico de OLED 2De acordo com relatos da imprensa coreana, o país está a planear limitar a exportação de equipamentos de fabrico de OLED, que serão incluídos no escopo da tecnologia básica do país e, no futuro, devem passar por um processo de aprovação complicado. Actualmente, o design, fabrico de painéis OLED são tecnologias fundamentais que restringem as exportações, mas o equipamento relacionado dos fornecedores não estão incluídos, o que leva à possibilidade de fuga de informação de segredos técnicos do lado do fornecedor.

Segundo as estatísticas, a actual participação da Samsung em painéis OLED de pequeno porte chega a 93%. A participação total da Samsung é de 57,8%. Além disso, o governo sul-coreano também está a considerar fortalecer as restrições à indústria química. Aparentemente, essas restrições favorecerão os fabricantes coreanos e estrangularão outros fabricantes menores que estão a tentar surgir. Isso pode  ser considerado de monopolização. Acho que é expectável alguma reacção dos mercados Europeus.

 

Fonte

Ajuda-nos a chegar mais longe, partilha com os teus amigos

Obrigado pela visita!

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Ajuda-nos a chegar mais longe, partilha com os teus amigos

Obrigado pela visita!
close-link