Android Geek
O maior site de Android em Português

Como colocar os DNS da Google no teu Android

Cada vez mais se ouve falar dos DNS´s da Google e como a utilização deste serviço pode melhorar a nossa experiência global de acesso à Internet. Sabem porquê?

Neste artigo vamos não só explicar detalhadamente como fazer esta alteração no vosso Android, como também explicar que benefícios podem decorrer da utilização deste serviço.

google_dns_1.jpeg

Algumas grandes empresas de conexão (Provedores ou ISP´s) passam por momentos de menor performance , quer por ataques ,ou mesmo sobrecarga do serviço que disponibilizam.

 

A Google lançou no final do ano de 2009 o seu serviço público de DNS, este serviço almejava ser o mais rápido, simples e robusto de utilizar. O objectivo por trás deste serviço é tornar a Internet ainda mais rápida, recorrendo a servidores distribuídos de DNS.

Rapidez – O “Google’s Public DNS” é rápido

Este serviço da Google está dísponivel numa rede global que permite uma velocidade superior aos pedidos (queries) realizados através dele.

A Google fez ainda um excelente trabalho na redução da latência na sua infraestrutura.

Segurança redobrada

Um dos maiores problemas em usar alguns dos serviços de DNS existentes é a possibilidade dos mesmos serem usados em ataques “Denial of Service and Amplification”. A Google mais uma vez tomou diversas medidas que nos protegem deste tipo de situações. Para além de monitorar os seus servidores, a Google usa o DNSSEC que ajuda a garantir que todas as solicitações processadas são oriundas de agentes fidedignos.

Resposta certa a todos os pedidos

Uma das maiores razões para usar o serviço de DNS da Google é que por vezes os serviços que usamos usam configurações que nos apresentam resultados incorrectos ou incompletos.

O serviço de DNS da Google atribui prioridade a fornecer a resposta correcta ao pedido efectuado, em casos do nome de domínio estar mal escrito ou não existir os utilizadores recebem uma resposta NXDOMAIN que indica que não existe resposta conhecida ao pedido efectuado.

Agora que sabemos resumidamente o que é e para que serve, vamos saber como configurar o nosso equipamento para utilizar o DNS da Google.

Por vezes imagens valem mais que palavras, podem ver no vídeo abaixo a forma correcta de efectuar esta configuração:

 

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma 😉

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma ;)
close-link