Android Geek
O maior site de Android em Português

CEO do Facebook crítica o controlo rígido da Apple sobre as aplicações

A Apple quer ter controlo sobre tudo, a Apple justifica isso por querer garantir que as aplicações e outros softwares do iPhone e iPad sejam seguros e funcionem conforme o esperado. No entanto, a mais recente rivalidade entre Apple e Epic Games, os criadores do popular videojogos Fortnite, trouxeram dúvidas e preocupações sobre o lado mais sombrio do dito “jardim murado”.

O ecossistema fechado da Apple é frequentemente citado como o principal motivo pelo qual as pessoas usam ou se recusam a usar os produtos da empresa de Cupertino. A Apple quer ter controlo sobre tudo, a Apple justifica isso por querer garantir que as aplicações e outros softwares do iPhone e iPad sejam seguros e funcionem conforme o esperado.

No entanto, a mais recente rivalidade entre Apple e Epic Games, os criadores do popular videojogos Fortnite, trouxeram dúvidas e preocupações sobre o lado mais sombrio do dito "jardim murado".

CEO do Facebook crítica o controlo rígido da Apple sobre as aplicações 1

Quando questionado se a Apple App Store é um monopólio, o CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, afirmou que o controlo "unilateral" que a Apple tem sobre as aplicações que podem ser executadas em iPhones levanta "questões que as pessoas deveriam estar a investigar". Na entrevista na HBO's Axios, Zuckerberg também falou da abordagem contrária ao Google em relação ao Android. E mais especificamente, que os utilizadores do Android têm permissão para fazer o sideload de aplicações de quaisquer outras fontes, se desejarem, além de terem disponível a Google Play Store.

Como a maioria dos utilizadores do Android sabe, existem de facto maneiras de fazer o sideload de aplicações em telefones Android, o que basicamente significa Fazer Download e Instalar aplicações de outras fontes além da Google Play Store. Isso permite que os programadores que não desejam publicar as suas aplicações na Play Store do Google por qualquer motivo, ou não tenham permissão para fazê-lo, ainda possam distribuir as suas aplicações para utilizadores do Android.

Não existe essa liberdade para utilizadores de iPhone e iPad, e nenhuma aplicação pode ser instalada nos telefones e tablets da Apple se não estiver disponível na App Store da Apple.

Quando questionado se os reguladores do governo deveriam examinar as práticas da Apple em relação ao assunto, Zuckerberg disse novamente que o comportamento da Apple levanta questões, mas também acrescentou que "não é necessariamente a pessoa para responder a isso". A entrevista termina com a conclusão: "Eu acho que é algo que merece escrutínio."

Há alguns anos, o próprio CEO da Apple, Tim Cook, fez uma investida contra Zuckerberg e o Facebook, e disse: "Nunca faríamos dos nossos clientes o produto." Os comentários supostamente enfureceram o CEO do Facebook, que na altura ordenou que a sua equipa de gestão usasse apenas telefones Android.

 

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!