Aqui está tudo o que sabemos sobre o novo Chipset Kirin da Huawei para 2022

Para além disso, a empresa resumiu o percurso, sucesso e o progresso feito pelo chipset Kirin no mercado. Realizações passadas:

A 1 de Janeiro, a conta Huawei Kirin deu os seus calorosos desejos de Ano Novo 2022 e mencionou que em 2022 continuarão a avançar em direcção ao “chip”. Isto significa que poderá haver um novo avanço à nossa espera para o próximo ano e poderemos ver em breve um novo processador Kirin.

Para além disso, a empresa resumiu o percurso, sucesso e o progresso feito pelo chipset Kirin no mercado.

Realizações passadas:

O Kirin 9000 foi o primeiro processadorde 5nm do mundo que ganhou o prémio “Annual Strongest 5G Mobile Device Chip” emitido pela Communications World (CWW).

Huawei Kirin 2022

Em Janeiro de 2021, o Relatório de Qualidade de Hardware Inteligente 2020 da China Mobile (Fase 2) e o Relatório de Índice de Comunicação 5G (Fase 3) anunciaram o Kirin 9000 como vencedor do prémio:

  1. 5G Chip Excellence Award, 5G Chip Comprehensive Evaluation No.1
  2. 5G Mobile Communications Index (Phase 3) Ranking No.1
  3. 5G Mobile Comprehensive Evaluation Top Ranking List No.1

O chipset ganhou o Nº 1 em várias avaliações, e a sua capacidade de referência é reconhecida por todas as entidades competentes.

“Em Fevereiro, a Huawei lançou o telefone dobrável Huawei Mate X2 que com um novo chipset e um novo tipo de experiência de utilização do telefone dobrável” “Não só é isso, o Huawei P50 Pro também foi alimentado com a variante 4G do Kirin 9000 e tem tido muito sucesso devido à arquitetura melhorada do Kirin”

Vai gostar de saber:  Huawei Watch D Oficial com sensor de pressão arterial e corpo de alumínio de aviação

Sanções dos EUA:

Desde Maio de 2019, a Huawei tem sofrido com as sanções dos EUA em todas as importações de produtos, incluindo chipset e outros componentes necessários para fazer novos chipsets. Por outro lado, não pode aceder aos serviços Google Mobile Services (GMS), bem como a outras aplicações Google que não encontramos nos telefones Huawei atualmente

Na sequência da proibição, a Huawei não pode imprimir novos chipsets Kirin através de fabricantes de chipsets como a TSMC e a fundição da Samsung. Por conseguinte, enfrenta uma escassez de processadores gravíssima para construir novos dispositivos.

Fonte

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!