Acordo entre Sony e Facebook vai permitir que mais músicas sejam usadas nos seus vídeos

Depois da Universal Music Group chegou a vez da Sony/ATV assinar um acordo com o Facebook para que as músicas do seu catálogo possam ser utilizadas nos vídeos gravados pelos utilizadores do Facebook, Instagram e Oculus.

O acordo, válido por vários anos, é o primeiro entre a maior editora musical, que gere um catálogo de 3 milhões de canções, e o Facebook. Os termos financeiros não foram divulgados, mas as empresas informaram que o acordo daria aos compositores a oportunidade de ganhar royalties quando as suas músicas forem usadas no Facebook e no Instagram.

O Facebook já tinha assinado acordos com duas das maiores empresas de música do mundo oferecendo à indústria fonográfica uma proteção contra o seu adversário, o YouTube, além de uma nova fonte de receita potencialmente significativa.

A indústria fonográfica está no terceiro ano de recuperação graças aos serviços pagos do Spotify e Apple Music, que convenceram mais de 100 milhões de pessoas a pagarem uma taxa mensal pelo acesso a uma biblioteca de milhões de musicas. No entanto, a maioria das pessoas ainda ouve música gratuitamente nas redes sociais, rádios ou serviços recheados de publicidade.
Facebook Sony
Os executivos da indústria da música esperam aumentar as receitas com os meios gratuitos, que contribuem com uma minoria das vendas apesar da grande audiência. O Facebook estava a oferecer à indústria da música centenas de milhões de dólares, disseram pessoas a par do assunto, em setembro.

Relacionado:  EMUI 12: Conheçam o híbrido EMUI e HarmonyOS

O Facebook ainda não tem o direito de hospedar música profissional, como o YouTube.

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!
Através de exame