A DPD Portugal vai distribuir testes de rastreio à Covid-19

O programa, que terá a duração de quatro meses, entre Março e Julho deste ano, vai proporcionar cerca de 4000 testes de rastreio à Covid-19 em Portugal.

A DPD Portugal vai apoiar a iniciativa Famílias Seguras com a entrega de testes de rastreio à Covid-19 de Norte a Sul do país, abrangendo um universo de cerca 220 pessoas de Cuidadores Informais, Pessoas Cuidadas e seus familiares. O Programa Famílias Seguras consiste no rastreio gratuito à Covid-19 para Cuidadores informais, Pessoas Cuidadas, e familiares em convivência direta, sendo uma iniciativa do Centro de Testes de Ciências (CTC), da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa (Ciências ULisboa), em parceria com a Associação Nacional de Cuidadores Informais (ANCI).

A DPD Portugal vai distribuir testes de rastreio à Covid-19 1

Recorrendo à rede Pickup, os kits de amostra são levantados nas lojas mais próximas de cada família. Consequentemente, as amostras serão depois deixadas nas mesmas e enviadas para o CTC (em até 48h), onde serão analisadas e os resultados comunicados às famílias através de e-mail ou telefone. Os casos positivos serão também notificados às autoridades de saúde competentes. Todo o processo de entrega e recolha dos kits de amostra para rastreio gratuito à Covid-19 é realizado através da rede de lojas Pickup da DPD, garantindo toda a segurança e higienização do processo.

Atualmente, a DPD conta com cerca de 700 lojas Pickup disponíveis em Portugal. As encomendas são entregues nas lojas Pickup de segunda a sábado, garantindo aos utilizadores uma enorme comodidade, graças ao facto de poderem levantar a encomenda no horário que lhes for mais conveniente.

"A DPD Portugal tem muito gosto em associar-se a esta iniciativa que pretende sensibilizar as pessoas para a importância do papel destes Cuidadores Informais – que cuidam, protegem e prestam todos os dias cuidados a outros familiares –, mas também para as Pessoas Cuidadas e os seus familiares. Com esta iniciativa queremos que estes se sintam sobretudo apoiados, uma pequena centelha de esperança numa altura tão desafiante como a que vivemos atualmente”, explica Carla Pereira, Directora de Marketing e Comunicação da DPD em Portugal.

Relacionado:  MI Store Portugal tem novidades para junho

A iniciativa “Famílias Seguras – Cuidar de Quem Cuida” pretende ajudar  a população de cuidadores informais, proporcionando-lhes uma vigilância epidemiológica regular aos Cuidadores, Pessoas Cuidadas e seus familiares. Este programa de rastreio regular tem como objetivos prevenir a transmissão e promover a deteção precoce de casos, diminuindo o risco de infeção e propagação no seio destas famílias.

A estratégia de rastreio escolhida permite uma vigilância segura, fiável e de simples implementação. O rastreio será feito através de testes semanais em amostras de saliva, colhidas em casa pelos próprios participantes e enviadas para testagem no Centro de Testes de Ciências. As amostras serão analisadas por testes moleculares PCR , de acordo com as normas da DGS.

O programa Famílias Seguras começará por abranger 70 famílias, cerca de 220 pessoas, no território continental português, incluindo nos municípios de Lousada, Vila Nova de Famalicão, Vila Nova de Gaia, Vila Nova de Foz Côa, Amadora, Cascais, Sintra, Grândola, Odemira e Portimão. O programa terá a duração de quatro meses, entre Março e Julho deste ano e, irá proporcionar cerca de 4000 teste de rastreio à Covid-19 em Portugal.

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!