Android Geek
O maior site de Android em Português

ZTE acusa fraqueza e vai despedir 5% dos seus trabalhadores

A empresa chinesa ZTE vai cortar empregos. Relatórios dizem que cerca de 3.000 funcionários serão despedidos, o que corresponde a cerca de 5% da força de trabalho total da empresa. O negócio de handsets da empresa vai despedir 600 pessoas  ou 10% do número total de trabalhadores desta área. Os cortes são principalmente na China, onde a empresa tem vindo a perder a sua quota de mercado.

"Cortes no negócio de aparelhos na China serão superiores a 20%"

Disse um executivo sénior com conhecimento sobre a decisão. De acordo com um gestor local de uma das filiais no exterior da ZTE, funcionários que tentaram candidatar-se a empregos em empresas concorrentes também vão ser demitidos.

"Colaboradores que tenham tentado candidatar-se à (rival) Huawei [HWT.UL] e, portanto, são marcados como" fatores instáveis ​​"

O presidente da companhia, Zhao Xianming, disse recentemente que a ZTE "encontrou sua maior crise nos seus 31 anos de história". Também acrescentou que "Em 2017 ... as empresas que não se encaixam na nossa direção estratégica ou com baixo desempenho de produção serão fechadas, suspensas, fundidas ou reconfiguradas, melhorando a competitividade do núcleo da empresa".

Parece que se avizinham tempos difíceis para esta gigante chinesa em particular.

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais