Android Geek
O maior site de Android em Português

YouTube revela plano alargado de combate aos conteúdos controversos

Reforço humano, melhor tecnologia, maior transparência e uma nova abordagem à publicidade para combater conteúdos controversos

O YouTube acaba de anunciar um plano de acção abrangente para responder aos conteúdos problemáticos alargando os avanços concretizados ao longo do ultimo ano para combater os conteúdos de extremismo violento. Estes desenvolvimentos foram tornados públicos num post de Susan Wojcicki, CEO do YouTube.

YouTube revela plano alargado de combate aos conteúdos controversos image

A citação seguinte poderá ser atribuída a Susan Wojcicki, CEO do YouTube:

“Estamos a adoptar estas medidas porque é correcto fazê-lo.[…] À medida que as ameaças à nossa plataforma irão evoluir e mudar, também as nossas respostas e métodos de actuação têm e vão evoluir para responder a estas ameaças. Mas independentemente dos desafios que surgirem o nosso compromisso de combater estas ameaças será sustentável e inabalável. Iremos tomar as medidas necessárias para proteger a nossa comunidade e garantir que o YouTube continua a ser o local onde criadores, anunciantes e espectadores podem florescer.”

Conheça também outras acções que foram realizadas nos últimos 12 meses para proteger a comunidade do YouTube

Eis alguns dos desenvolvimentos anunciados pela CEO do YouTube no âmbito do plano de acção alargado.

  • Mais pessoas a reverem mais conteúdos: Em 2018 contamos ter em torno de 10.000 pessoas.
  • Progressos através de Machine Learning (auto-aprendizagem de máquinas) e respondendo às questões com escala
  • Transparência: relatórios regulares sobre as acções implementadas
  • Uma nova abordagem à publicidade: critérios mais apertados e uma curadoria mais manual.

YouTube revela plano alargado de combate aos conteúdos controversos image

Mais pessoas a reverem mais conteúdos
  • O processo humano de revisão continua a ser essencial para a remoção de conteúdos e para os sistemas de treino de machine learning (auto-aprendizagem de máquinas) porque o julgamento das pessoas é crítico para tomar decisões sobre os conteúdos em função do contexto.
  • Desde Junho, as nossas equipas de segurança reviram manualmente quase 2 milhões de videos com potenciais conteúdos de extremismo violento, ajudando também a treinar a nossa tecnologia de machine learning a identificar videos semelhantes no futuro.
  • Vamos continuar a ter um crescimento significativo das nossas equipas no próximo ano com o objectivo de elevar para 10.000, o número de pessoas que trabalham na Google para responderem aos conteúdos que podem violar as nossas políticas.
Progressos através de Machine Learning e lidar com os problemas com escala
    • Desde Junho removemos mais de 150.000 vídeos por extremismo violento.
    • Machine learning está a ajudar os revisores humanos a removerem quase 5x vezes mais videos que anteriormente.
    • Hoje, 98% dos vídeos que removemos por extremismo violento são assinalados pelos nossos algorítmos de machine learning.
    • Desde que comecámos que utilizar, em Junho, o Machine Learning para assinalar conteúdos extremistas e violentos, esta tecnologia reviu e assinalou conteúdos que, em situações normais, obrigaria ao trabalho de 180.000 pessoas/40 horas por semanas para alcancarem o mesmo resultado.Machine Learning permitiu-nos remover rápida e eficazmente conteúdos que violam as nossas regras. Em Junho, passámos a utilizar esta tecnologia para assinalar conteúdos extremistas violentos para revisão manual e humana e assistimos a um progresso imenso.
  • Por termos visto resultados positivos, começámos a treinar a tecnologia de Machine Learning em outras áreas de conteúdos desafiantes, incluindo segurança de criança e discursos de ódio.
YouTube revela plano alargado de combate aos conteúdos controversos image
Maior transparência
  • Compreendemos que as pessoas queiram ter uma visão clara de como estamos a lidar com a problemática dos conteúdos. As nossas regras da comunidade mostram aos utilizadores o que não permitimos nas nossas plataformas e queremos partilhar mais informação sobre a forma como implementamos estas políticas.
  • Em 2018 vamos criar um relatório regular que irá disponibilizar mais informação sobre o número de sinalizações que recebemos e as acções que adoptamos para remover videos e comentários que violam as nossas políticas de conteúdos.
Uma nova abordagem à publicidade no YouTube
  • Queremos que os anunciantes estejam descansados de que os seus anúncios são disponibilizados ao lado de conteúdos que refletem os seus valores das marcas. Igualmente, queremos dar aos criadores a confiança de que as suas receitas não são afectadas por acções de malfeitores.
  • Acreditamos que isto requer uma nova abordagem à publicidade no YouTube determinando cuidadosamente quais os canais e os videos eligíveis para publicidade.
  • Estamos a planear adoptar critérios mais rígidos e realizar mais curadoria manual ao mesmo tempo que aumentamos consideravelmente as nossas equipas de revisores de anúncios para garantir que os anúncios só aparecem onde devem aparecer. Isto irá também ajudar os criadores a terem maior estabilidade nas suas receitas.
  • É importante que façamos isto correctamente para anunciantes e criadores e, ao longo das próximas semanas, iremos falar com ambos para honrar esta abordagem.
Fique atento à nossa página do Facebook e Twitter para obter as notícias em primeira mão.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.