Android Geek
O maior site de Android em Português

Unisoc usa ex-gestores Qualcomm e Huawei para atacar o mercado de CPUs Smartphone

A Unisoc, é outro fabricante de chips que se está a preparar para se tornar uma força motriz no desenvolvimento de dispositivos móveis a médio prazo. A empresa, que surgiu da empresa norte-americana de chips RDA e da chinesa Spreadtrum, fabricante de chips da Tsinghua Unigroup, nomeou dois novos executivos, e são caras conhecidas na indústria.

A Unisoc, é outro fabricante de chips que se está a preparar para se tornar uma força motriz no desenvolvimento de dispositivos móveis a médio prazo. A empresa, que surgiu da empresa norte-americana de chips RDA e da chinesa Spreadtrum, fabricante de chips da Tsinghua Unigroup, nomeou dois novos executivos, e são caras conhecidas na indústria. 

Unisoc usa ex-gestores Qualcomm e Huawei para atacar o mercado de CPUs Smartphone 1

A Unisoc, que até há poucos anos operava como Unigroup Spreadtrum & RDA, nomeou dois especialistas experientes em processadores ARM como os seus novos co-CEOs. Qing Chu, um gestor que foi co-CEO, que já ajudou a gigante chinesa de smartphones Huawei a construir os seus próprias CPUs, que agora estão disponíveis em produtos importantes.

Chu tem 22 anos de experiência no setor de telefonia móvel e atuou anteriormente como vice-presidente e diretor de estratégia do negócio de chips da Huawei. Anteriormente, ocupou vários cargos seniores na HiSilicon, o maior fabricante de chips da China, parte do Grupo Huawei.

A Unisoc também tem Adam Zeng como o segundo co-CEO a juntar-se à empresa em 2017, anteriormente foi presidente da ZTE China. Juntos, os dois novos executivos estão prontos para trabalhar para tornar a Unisoc uma provedora líder de soluções 5G para smartphones de média e alta gama.

O caminho do sucesso?

Até ao momento, a Unisoc e a Spreadtrum têm desempenhado apenas um pequeno papel no mercado internacional de smartphones, já que a empresa oferecia principalmente chips que só eram adequados para uso em dispositivos de baixo custo em termos de desempenho. Em junho, no entanto, eles anunciaram um SoC ARM de oito núcleos, que usa a nova arquitetura ARM Cortex-A55.

Pela primeira vez em anos, a empresa tem um SoC que foi desenvolvido numa base atual da linha de produtos, cujos oito núcleos de economia de energia A55 são para fornecer energia suficiente para um smartphone mid-range atual. O chamado SC9863A usa dois clusters de quatro núcleos de 1,2 e 1,6 gigahertz cada e possui uma GPU Imagination Technologies IMG8322. O chip também suporta resoluções de até 2160×1080 pixels, além de câmeras com resolução de até 16 megapixels.

No entanto, a produção ainda está no processo de 28-nanômetros, de modo que ainda não é competitivo a este respeito.

Fonte: Roland Quandt

 

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma 😉

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma ;)
close-link