Android Geek
O maior site de Android em Português

TikTok pode ser mesmo forçada a parar nos Estados Unidos após uma audiência marcada para o próximo mês

Uma ordem executiva assinada pelo presidente em agosto ordenou que a ByteDance se desfizesse das operações da TikTok nos Estados Unidos ou que a removesse das lojas de aplicações nos EUA.

De acordo com a Reuters, um juiz dos EUA disse hoje que realizará uma audiência a 4 de novembro - um dia após o dia das eleições - para decidir se o governo dos EUA pode proibir transações com a TikTok. a popular aplicação de vídeo de formato curto que é propriedade da ByteDance, a empresa chinesa que o governo Trump ,alegadamente, teme que esteja a partilhar dados pessoais e corporativos dos seus utilizadores com o governo de Pequim. Uma ordem executiva assinada pelo presidente em agosto ordenou que a ByteDance se desfizesse das operações da TikTok nos Estados Unidos ou que a removesse das lojas de aplicações nos EUA.

O TikTok está tranquilo até 12 de novembro, depois pode mesmo ter que interromper a aplicação nos Estados Unidos

A princípio, o presidente aprovou um acordo que criaria uma nova empresa chamada TikTok Global, que seria 80% propriedade da ByteDance e 20% das empresas americanas Oracle e Walmart.

 

 

 

 

 

 

Uma ordem emitida pelo juiz distrital dos Estados Unidos Carl Nichols em 27 de setembro impediu o governo dos Estados Unidos de forçar a Apple App Store e a Google Play Store de remover o TikTok. Mas o perigo ainda não acabou para o TikTok, pelo contrário.

Em primeiro lugar, a ordem judicial actual é temporária e a outra ordem executiva assinada por Trump contra o TikTok e ByteDance entra em vigor a 12 de novembro. Este pedido será mesmo o fim do TikTok nos EUA se não houver acordo até então. De acordo com um cronograma divulgado pelo tribunal, não haverá decisões em relação ao TikTok até ao final do próximo mês, no mínimo.

O que está a dificultar o negócio são as questões sobre a propriedade majoritária da nova empresa; além disso, a China precisa aprovar a transação mas agora proíbe a exportação de algoritmos feitos na China para outros países. O TikTok usa esse algoritmo para determinar quais os vídeos os utilizadores querem ver. Esta tecnologia não estaroa incluída em nenhum acordo entre a ByteDance, Oracle e Walmart.

O TikTok é adorado por muitos adolescentes que usam a aplicação para criar vídeos de 15 e 60 segundos de dobragem, danças, partidas e muito mais. Durante a pandemia, os adolescentes presos nas suas casas recorreram à aplicação para distracção. Nos estados, o TikTok tem 50 milhões de utilizadores ativos diários e 100 milhões de utilizadores ativos mensais; os dados mais recentes da empresa de análise de aplicações Sensor Tower revelam que TikTok foi a aplicação que mais lucro deu em todo o mundo durante o terceiro trimestre. Também foi a aplicação mais instalada em iOS e Android durante os três meses que terminaram em setembro.
Os gastos dos consumidores com a aplicação aumentaram 800% numa base anual de julho a setembro.

Como acontece com a maioria das empresas de tecnologia chinesas que operam algum tipo de negócio nos estados, o governo dos EUA considera o TikTok uma ameaça à segurança nacional por causa dos seus laços estreitos com o governo comunista chinês. Nunca houve qualquer prova de que essas empresas (como Huawei e ZTE) possuam backdoors nos seus produtos para aceder a dados pessoais.

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!